Clicky

Convergência Digital - Home

Plataforma de gestão de exames na nuvem investe R$ 1.5 milhão em telerradiologia

Convergência Digital
Convergência Digital - 27/11/2020

A Medcloud, plataforma em nuvem de gestão de exames radiológicos, deve registrar crescimento de 325% em relação ao ano anterior em função da intensa procura por tecnologias inovadoras para o setor de radiologia, que expandiu 158% durante o período. "A Telerradiologia, modalidade da Telemedicina na qual médicos radiologistas realizam laudos a distância, vem sendo praticada há anos no mundo todo. Entretanto, o aumento do número de casos da covid-19 e o isolamento social fez com que muitas empresas e profissionais optassem definitivamente por este novo modelo", afirma Dimas Silva, CEO e fundador da Medcloud.

Somente este ano, a empresa integrou em sua plataforma mais de 300 unidades, entre clínicas, hospitais e laboratórios. Conforme Silva explica, a adoção de tecnologias em nuvem representa ganho significativo com relação à segurança dos profissionais - que não precisam se deslocar nem manter contato com o público - além da redução de custos com impressão.

Outra vantagem é que a Medcloud já possui registro Anvisa, portanto as empresas contratantes trabalham com plataforma segura de acordo com o compliance necessário no país. "Para estas organizações, vale a pena manter um contrato de software como serviço e ter à disposição o que há de melhor em termos de inovação", diz ele. Entre os clientes da empresa, está a Prefeitura do Rio de Janeiro e unidades da rede de Hospitais São Camilo.

As soluções da empresa vão desde PACS (Sistema de Comunicação e Arquivamento de Imagens), RIS (Sistema de Informação de Radiologia), portal de resultados e armazenamento. Com tecnologia baseada 100% em cloud computing, a plataforma Medcloud pode ser acessada facilmente por meio de qualquer navegador de Internet. Assim, médicos radiologistas conseguem visualizar exames de imagem no formato DICOM e realizar o laudo dentro da própria ferramenta, compartilhando o resultado em tempo real com a clínica onde o exame foi realizado, com o paciente e com o médico solicitante.

"A constante evolução do meio digital também está relacionada ao empoderamento do paciente, que deseja compreender cada vez mais as informações contidas nos laudos de maneira que se torne capaz de tomar decisões sobre sua própria saúde junto com o médico", avalia o executivo, lembrando que a empresa desenvolveu um app que possibilita o relacionamento digital entre pacientes e todos os profissionais envolvidos no tratamento.

Outro ponto é a democratização do sistema, já que qualquer profissional autônomo pode utilizar a ferramenta. "Embora tenhamos grandes grupos em nossa carteira de clientes, nossa plataforma é acessível a todo radiologista que deseje adotar uma tecnologia de última geração em sua rotina de trabalho", informa Silva.

De acordo com a Merritt Hawkins, empresa de pesquisa médica, quase metade dos médicos nos EUA já estavam utilizando Telemedicina para tratar pacientes na metade de 2020. "Isso reforça uma tendência acelerada pela pandemia. Há anos a Telemedicina luta para se consolidar. Agora, as empresas estão finalmente encontrando maneiras de usar a tecnologia em todo o seu potencial", finaliza o CEO da Medcloud .

Regime Especial Unificado de Arrecadacao de Tributos e Contribuicoes devidos pelas Microempresas e empresas de pequeno porte- Simples Nacional, conforme artigo 12 da Lei Complementar 123, de 14 de dezembro de 2006.


Ministério da Justiça escolheu nuvem da Oracle para atender ao consumidor

"A nuvem nos abre um novo catálogo de possibilidades para serviços", afirma o coordenador geral de infraestrutura e serviços do Ministério da Justiça, Leonardo Greco. Serviço consumidor.gov.br migrou para a Oracle no final de maio.

Icatu Seguros: mudar atendimento ao cliente para a nuvem foi decisão irreversível

Seguradora contratou a CXone, da NICE, para migrar, em tempo recorde, os seus funcionários para o trabalho remoto. "Tínhamos de não perder a qualidade e a eficiência e adaptar o serviço ao dia a dia das casas dos colaboradores", conta o diretor de Marketing e canais, Rafael Caetano.

Destaques
Destaques

Justiça do DF diz que dados em nuvem não têm proteção contra quebra de sigilo

Para o relator do caso, "dados armazenados em nuvem não evidenciam uma comunicação de dados" e, por isso, não estariam protegidos pela legislação. 

"Chegamos para brigar com AWS, Google e Azure na nuvem pública", diz José Nilo, da Huawei

Empresa monta o seu segundo data center no Brasil, em local não revelado por segurança, e diz que vai também aumentar presença na oferta de Kubernetes e contêineres, hoje dominada pela Red Hat, da IBM.



Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Veja mais artigos
Veja mais artigos

IA, nuvem e IoT exigem data centers mais eficientes

Por Ed Solis*

Adoção crescente de tecnologias como inteligência artificial, internet das coisas e PoE estão na lista para melhorar o desempenho das redes e a eficiência do gerenciamento.

A Covid-19 e o governo digital

Por Marcos Boaglio*

A digitalização impõe adotar uma cultura de inovação na qual se fomente a experimentação, derrubar barreiras a partir de novos veículos de aquisição e implementar uma classificação de dados moderna, assim como desenvolver capacidades para empoderar os trabalhadores para finalmente aproveitarem as novas tecnologias.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site