Clicky

GOVERNO » Compras Governamentais

Pregão estima em R$ 212 mil a construção de seis postos para carros elétricos em Brasília

Luís Osvaldo Grossmann ... 09/12/2020 ... Convergência Digital

O Ministério da Economia abriu nesta quarta, 9/12, edital para a contratação de postos de abastecimento de carros elétricos, na Esplanada dos Ministérios e em outros pontos de Brasília, como parte de um acordo de cooperação com o governo do Distrito Federal para uso desses veículos no deslocamento de servidores públicos. 

O edital prevê a construção de seis eletropostos, com valor unitário estimado em R$ 35,49 mil – e valor total, portanto, de R$ 212,97 mil. O pregão está marcado para 21/12, por meio do portal de compras do governo federal, Comprasnet. 

Conforme o modelo previsto, cada eletroposto, chamado de estação de recarga semirrápida de veículos elétricos, deve ser capaz de realizar a recarga de dois veículos elétricos simultaneamente.

O projeto conjunto até aqui viabilizou a aquisição de 16 veículos modelo Twizy, e prevê a instalação de 35 eletropostos no Distrito Federal, capazes de atender carros de quaisquer montadoras, sem cobrança de valor pela recarga. 

Por enquanto, foram entregues 14 veículos, e construídos 27 eletropostos. Os carros são disponibilizados por meio de comodato cabendo ao GDF arcar com as despesas de operação e manutenção.


Ministério da Justiça exige cadastro de redes sociais no Consumidor.gov.br

Nova portaria da Secretaria Nacional do Consumidor amplia o rol de empresas que devem fazer parte do portal de mediação online de atendimento aos consumidores. 

Simples de março, abril e maio é prorrogado para segundo semestre

Recolhimento poderá ser feito a partir de julho, com opção de pagamento em duas parcelas. 

Transformação digital: Atenção do governo ao risco de digitalizar a burocracia

“A meta é digitalizar 100% dos serviços, mas o desafio é não fazer mera transposição do que existe para o digital”, afirma o secretário adjunto de governo digital, Ciro Avelino. 

Sobram candidatos e faltam cadeiras para TICs no Conselho Nacional de Proteção de Dados

Além de três das grandes entidades empresariais de tecnologia da informação, ABES, Assespro e Brasscom, os dois assentos setoriais são disputados pela Abert, Sebrae e bureaus de crédito. Pelo menos. 

Identidade Nacional vai funcionar como carteira digital

Governo e TSE formalizam acordo para fazer o Documento Nacional de Identificação (DNI) por meio da troca de dados.  A identidade digital será gerada por um aplicativo gratuito, que pode ser utilizado em smartphones e tablets com sistemas Android e iOS, a ser ofertado pelo governo federal.



  • Copyright © 2005-2021 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G