Home - Convergência Digital

Empresa de TI abre vagas para trabalho 100% remoto

Convergência Digital* - 14/05/2020

A Solutis, voltada para transformação digital, está com vagas em diferentes funções, com salários entre R$ 3.000 e R$ 15.000. De acordo com o CEO da companhia, Paulo Marcelo, as contratações refletem o momento da companhia. "Muitas empresas já estavam em processo de transformação e outras tiveram que acelerar estas mudanças. Precisamos destes profissionais para dar suporte a estes novos projetos, a partir de uma realidade nova em nosso país", explica.

O executivo destaca que a pandemia e a necessidade do isolamento social comprovaram algo em que a Solutis já acreditava: a qualidade da entrega e a produtividade dos profissionais independem da sua presença física no escritório. "Vínhamos apostando no trabalho remoto já há algum tempo. Ao colocarmos a totalidade de nossos colaboradores em home office por conta da crise do Coronavírus, conseguimos quebrar paradigmas e comprovar a eficiência do trabalho a distância", afirma Paulo Marcelo.

Por isso mesmo, todas as vagas abertas pela Solutis são para a modalidade remota. "É uma maneira também de recrutarmos os excelentes profissionais disponíveis nas mais diversas regiões do País, ampliando a oferta de oportunidades. A diversidade cultural enriquece a qualidade do nosso trabalho", destaca o CEO.

Entre as vagas abertas na Solutis estão oportunidades para:

• DEV Mobile (IOS) - Nativo iOS (Swift), com ampla experiência na utilização de APIs REST e/ou GraphQL, publicação e integração de SDKs.

• DEV Mobile (Android) - Nativo Android (Java/Kotlin), com ampla experiência na utilização de APIs REST e/ou GraphQL, publicação e integração de SDKs.

• DEV Mobile (Flutter) - Com experiência em desenvolvimento Flutter para Android, iOS, Desktop e/ou Web e na utilização de APIs REST e/ou GraphQL.

• DEV Mobile (React) - Com experiência em desenvolvimento React Native e na utilização de APIs REST e/ou GraphQL.

• Analista de Integração Sênior - especializado em linguagem de programação Java, Python ou Net; banco de dados Oracle e manipulação de APIs; experiência em integração de sistemas Oracle e SAP; conhecimento de ferramenta OIC (Oracle Integration Cloud) e arquitetura de sistemas.

• Analista de Front End Sênior - conhecimento da plataforma Oracle Cloud e das ferramentas e linguagens de front-end: HTML, CSS, Javascript, Angular, Node.JS, além de banco de dados Oracle e APIs. O profissional deve ter também conhecimento e experiência em metodologias ágeis. Experiência em OIC e arquitetura Oracle Cloud para desenvolvimento serão diferenciais.

• Analista Funcional Oracle Sênior - com conhecimento do módulo funcional PPM (Portfolio Project Management) da Oracle; experiência em implementação de projetos Oracle Cloud e em datamodel, com conhecimento das tabelas do módulo PPM; conhecimento de PL/SQL para query das tabelas.

• Consultor Funcional Salesforce - conhecimento dos processos de atendimento ao cliente com ou sem experiência em Salesforce. Conhecimentos em e-commerce será diferencial. Desejável conhecimentos em desenvolvimento.

• Consultor/Arquiteto Powercenter Sênior - conhecimento em arquitetura e implementação de soluções em informatica Powercenter; capacidade de preparar grandes volumes de dados para integrações com APIs.

• Scrum Master - conhecimento prévio de produtos e plataforma Oracle Cloud; planejamento de tasks nas práticas ágeis de Scrum; conhecimento de integração de sistemas; habilidade para negociar prioridades junto ao PO; e certificado Scrum Master.

• Tech Lead BPM Sênior - especialista em integrações centradas em produtos core de empresas; sistemas de gestão de processos de negócios e motores de regras; BPM (IBM, Activity, Camunda, Spring Statemachine). BRE (Fico, Drools, IBM ODM e Trool) será diferencial.

A Solutis está selecionando candidatos de forma online pela Internet. Os interessados devem cadastrar seus currículos em: solutis.gupy.io

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

26/10/2020
Itaú Unibanco abre mais de 2 mil vagas em TI

23/10/2020
Salários em alta na TI. Cientista de dados pode chegar a R$ 26 mil

22/10/2020
Startups aceleradas pela Wayra têm 89 vagas abertas

21/10/2020
Robôs vão eliminar 85 milhões de empregos em 26 países, Brasil entre eles

19/10/2020
Empresa voltada à transformação digital abre 130 vagas

08/10/2020
Empresa de software contrata profissionais de TI para trabalho no exterior

02/10/2020
Montreal, no Canadá, abre 200 vagas para brasileiros de TI, games e fintechs

28/09/2020
TIVIT abre vagas em segurança digital com a urgência da LGPD

25/09/2020
Banco Nacional de Empregos: Vagas em TI disparam 63% na pandemia

11/09/2020
Vivo abre vagas para trainees sem exigir inglês e com aulas para métodos agéis

Startup cria time de cientistas de dados para avançar nos negócios

Com sede nos EUA, a Fligoo atua nos segmentos de finanças, educação e saúde, e sabe da relevância de ter profissionais capacitados para lidar com os dados. "Prepare-se o tempo todo. Estude. Não espere a necessidade chegar", aconselha Leandro Ferrado.

Veja mais artigos
Veja mais artigos

Futuro sem aposentadoria – qual a saída?

Por luis Macedo*

O futuro financeiro nunca foi tão incerto. A aposentadoria "oficial", pelo INSS, fica cada vez mais distante para muitas pessoas, especialmente porque o mundo do trabalho mudou. Uma alternativa para uma parcela significativa da população que não tem carteira assinada são os fundos de previdência. O problema, no entanto, é a infinidade de fundos que existem.

Destaques
Destaques

Certificação é critério de seleção para encarregado de dados

Ainda que a LGPD não exija qualificação específica, o mercado busca profissionais com conhecimento na área. Formação pode custar até R$ 6 mil, observou Mariana Blanes, advogada e sócia do Martinelli Advogados, ao participar do CD em Pauta.

Teletrabalho: sem regulamentação, sem direitos, sem deveres, sem regras

Depois da nota técnica do MPT alertando para o direito à desconexão, Congresso tenta acelerar a votação dos PLs que tratam do tema, entre eles o PL 3915/20. O tema é complexo. IN 65, do governo federal, repassa os custos com tecnologia para os servidores no home office.

Ministério Público: Teletrabalho exige direito à desconexão

Ministério Público do Trabalho elaborou uma nota técnica direcionada para as “empresas, sindicatos e órgãos da administração pública”.  Na orientação, sugere a adoção de etiqueta digital para orientação de patrões e empregados.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Copyright © 2005-2015 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site