INOVAÇÃO

Comitê com 10 órgãos vai unificar apoio federal às startups

Luís Osvaldo Grossmann ... 22/11/2019 ... Convergência Digital

O governo federal criou um Comitê Nacional de Iniciativas de Apoio a Startups com 10 órgãos e o objetivo de unificar as políticas voltadas ao fomento de empresas iniciantes de base tecnológica. Esse novo comitê reúne os ministérios da Economia e Ciência e Tecnologia, Banco Central, BNDES, CNPq, Embrapa, Finep, ABDI, Apex e Sebrae. 

“O governo tem duas maneiras de incentivar as startups, com o fomento clássico e com a redução de barreiras regulatórias. O Comitê atua na primeira frente, reunindo instituições com pelo menos uma iniciativa nessa área. A ideia é permitir uma articulação mais efetiva, evitar duplicação de esforços e garantir que todos os estágios de desenvolvimento de uma startup sejam contemplados”, afirma o diretor de ecossistemas inovadores do MCTIC, Otávio Caixeta. 

Uma ação na segunda frente deve se materializar até o fim do ano, com a apresentação de uma proposta de projeto de lei construída a partir de uma consulta pública realizada em meados deste 2019 sobre o ambiente específico das empresas iniciantes, que misturam novos arranjos produtivos a investimentos de alto risco. 

Além de articular as iniciativas no âmbito federal e promover boas práticas, caberá ao novo comitê “disponibilizar e atualizar plataforma em formato digital com registro de iniciativas públicas de apoio a startups”. Segundo o diretor de ecossistemas inovadores, trata-se de um canal unificado que deve estar disponível no início de 2020. 

“Hoje, é preciso ir buscando de agência em agência, em cada órgão federal envolvido no tema, pelas iniciativas de apoio às startups. O objetivo aqui é ter um canal único com a sociedade e com esse ecossistema para facilitar as informações”, completa Otávio Caixeta. 


Cloud Computing
Computação em Nuvem entra na grade curricular da Escola Superior de Rede

Unidade de serviço da Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP) planeja 50 turmas distribuídas nas unidades de Belém, Brasília, Rio de Janeiro, Cuiabá, João Pessoa, Porto Alegre e Salvador, com carga horária de 16 a 40 horas.

Oi Futuro e Sebrae lançam edital de aceleração para empreendedores

Startups terão acesso a espaço de coworking e poderão ganhar prêmios de até R$ 25 mil. Iniciativa terá seis meses de duração e reúne mentorias, consultorias e workshops.

boostLAB, do BTG Pactual, abre espaço para ERPs, big data e Edtechs

A quarta edição do programa superou a marca de 260 empresas inscritas. Para o Batch #5 serão selecionadas de cinco a dez startups para seguirem no programa durante cinco meses. Inscrições abrem nesta quinta-feira, 05/12.

STJ valida sistema 'mailbox' e confirma patente por 20 anos

​A Terceira Turma do STJ, por unanimidade, estabeleceu em 20 anos o prazo de vigência de patente concedida pelo sistema mailbox, contado a partir da data do depósito do pedido pelo interessado.

Carros autônomos se multiplicam, mas estão longe do mercado de consumo

Segundo a consultoria Gartner, veículos equipados para direção autônoma mais que dobram a cada ano, mas só o custo dos sensores já os deixa restritos à pesquisa. 

Brasileiros já incluem dispositivos IoT em lista de desejos

Pesquisa da Avast lista smartwach, caixa de som inteligente, lâmpada e termostato conectados como principais itens de consumo do momento. 



  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G