Clicky

Home - Convergência Digital

Verizon e AT&T admitem que venderiam 5G fixo que 'nem água' por conta da Covid-19

Convergência Digital* - 02/06/2020

Se pudesem ter investido mais  no 5G fixo  em suas frequências disponíveis, as operadoras norte-americanas teriam vendido que 'nem água' banda larga nas últimas 10 semanas, em função da pandemia de Covid-19. A projeção foi feita pelos executivos da Verizon e da AT&T.

O CEO da Verizon para negócios com consumidores, Ronan Dunne, foi taxativo. "Os consumidores mudaram mais em 10 semanas de Covid-19 do que nos últimos cinco anos. Elas estão valorizando largura de banda", pontuou. Objetivo da Verizon,agora, é capitalizar o interesse investindo na expansão do serviço FWA 5G Home por meio da rede móvel mmWave.

O vice-presidente sênior da AT&T, Igal Elbaz, admitiu, porém, que faltam chipsets para equipamentos 5G de alta potência, o que também inviabilizou qualquer plano de emergência nesse período de pandemia. Expectativa é que esses chipsets fiquem disponíveis comercialmente no último trimestre de 2020.

A intenção das operadoras é convergir interesses da banda larga fixa com as operações móveis 5G. Expectativa do mercado é de que dois milhões de CPEs (modems) para a oferta do 5G fixo sejam vendidas em 2020, mesmo com o impacto da Covid-19 na produção dos dispositivos.

As redes mmWave (ondas milimétricas) nos Estados Unidos usam a faixa de 28GHz e vai funcionar funcionará em conjunto com as faixas “tradicionais”, as que estão abaixo dos 6 GHz. No Brasil, a Anatel estuda disponibilizar as faixas de 1,5 GHz e 26 GHz para as redes mmWave ao vender as frequências 5G, em leilão, agora, previsto para 2021.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

30/11/2020
Reino Unido endossa NEC no OpenRAN para tirar Huawei e provocar Ericsson e Nokia

30/11/2020
Um em cada quatro acessos móveis na América Latina será 5G até 2026, prevê Ericsson

27/11/2020
Teles: restrição a fornecedores é um risco ao 5G e aos consumidores

26/11/2020
Palo Alto: É um erro enorme repetir o passado e não tornar a nuvem aberta de verdade

24/11/2020
Leilão 5G: Embaixada da China reage forte contra filho do presidente Jair Bolsonaro

24/11/2020
Minicom se diz cobrado por Bolsonaro para fazer o leilão 5G

24/11/2020
Highline compra Phoenix Tower e passa a deter 3,2 mil torres no Brasil

19/11/2020
Qualcomm e Nokia: Ondas milimétricas são a mudança do modelo de negócio no 5G

18/11/2020
Anatel: Cibersegurança em Telecom une teles e os mais de 10 mil prestadores de serviços SCM

17/11/2020
TBNet fecha parceria com tele para transformar 23 mil ATMs em hotspots Wi-Fi 5G

Destaques
Destaques

Qualcomm e Nokia: Ondas milimétricas são a mudança do modelo de negócio no 5G

Ondas milimétricas não apenas uma banda a mais para o 5G, mas são a base das novas aplicações com baixíssima latência, diz Francisco Soares, da Qualcomm. Wilson Cardoso, da Nokia, adverte que, até 2025, serão instaladas 200 mil ERBs para atender verticais específicas como a indústria 4.0.

Anatel: Cibersegurança em Telecom une teles e os mais de 10 mil prestadores de serviços SCM

"Não há como fazer obrigação em cibersegurança. O ambiente tem de ser cooperativo e não é apenas com as teles. São mais de 10 mil pequenos prestadores de serviços e eles têm de estar ativos. Temos de ter uma coordenação entre todos os atores", disse o superintendente de Planejamento e Regulamentação da Anatel, Nilo Pasquali.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

5G precisa ser aberto e transparente

Por Fabio Rua

É possível afirmar que estamos vivendo um momento extremamente crucial na história da tecnologia, ainda mais após todo o processo de aceleração digital e transformação exigidos durante o período da pandemia de COVID-19. As decisões que tomarmos hoje sobre como as redes 5G serão construídas em nosso país terão um impacto sem precedentes na transformação dos negócios.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site