TELECOM

Amazon quer entrar no mercado de celular pré-pago com venda da Sprint

Convergência Digital ... 31/05/2019 ... Convergência Digital

A Amazon está interessada em comprar o serviço de internet sem fio de celulares pré-pagos Boost Mobile das operadoras norte-americanas T-Mobile e Sprint, disseram duas fontes a par do assunto à agência Reuters.

A Amazon está considerando comprar a Boost - atualmente uma das marcas pré-pagas da Sprint - principalmente porque o acordo permitiria que ela usasse a nova rede sem fio da T-Mobile por pelo menos seis anos. A venda da operação de pré-pagos é uma das promessas feitas para que o negócio seja aprovado pela americana FCC.

A Amazon também estaria interessada em qualquer espectro de internet sem fio que pudesse ser vendido. A varejista online já vem desenvolvendo experiência oferecendo chamadas telefônicas através do seu produto Echo Connect, que usa o serviço de telefone residencial de uma pessoa e permite que a Alexa faça chamadas telefônicas.

As estimativas feitas no cenário de venda do “Boost” é de que essa linha de pré-pagos tenha de 7 milhões a 8 milhões de clientes e uma transação poderia ser avaliada em 4,5 bilhões de dólares se incluir o espectro.


Revista do 63º Painel Telebrasil 2019
Veja a revista do 63º Painel Telebrasil 2019 Transformação digital para o novo Brasil. Atualizar o marco regulatório das telecomunicações é urgente para construir um País moderno, próspero e competitivo.
Clique aqui para ver outras edições

Anatel simplifica e zera custo para homologar produtos de Telecom

"A isenção da taxa é imediata e vale para todos os produtos homologados pela Anatel – inclusive radioamadores, drones e produtos importados para uso do próprio usuário”, disse o presidente da Agência Reguladora, Leonardo Morais.

Teles fazem campanha por conta digital sem papel

Segundo Sinditelebrasil, 76 milhões de clientes ainda recebem faturas impressas todos os meses – em média, 152 milhões de folhas. 

Consumidores reclamam de proposta da Anatel que reduz conselho de usuários

Idec e Coalizão Direitos na Rede apontam que novo regulamento do Cdust prevê apenas um conselho nacional por operadora, no lugar dos 30 regionais atuais. E que agência suspendeu eleição com 300 mil votos. 

Projeto que torna roaming obrigatório passa na CCT da Câmara

Medida, que na prática já é prevista em leilões de espectro, vale somente para Vivo, Claro, Tim e Oi. 




  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G