Home - Convergência Digital

Cidade do Rock no Rio vira Cidade 5G

Convergência Digital - Carreira
Convergência Digital* - 30/09/2019

A 20ª edição do Rock in Rio abriu nesste final de semana e a cidade do Rock se tornou a primeira cidade 5G do país, graças a uma rede implantada pela Oi em parceria com a Huawei para testes e experiências de uso da nova tecnologia,. Foi a primeira vez que o público do Rock in Rio – estimado em 100 mil pessoas por dia – pôde estar conectado por uma rede de WiFi gratuita, disponível para clientes de qualquer operadora.

Apenas nos três primeiros dias do festival o consumo de dados alcançou 34,28 Terabytes, volume que equivale a mais de 28 milhões de fotos em alta definição. Foram registradas mais de 14,7 mil conexões simultâneas no Oi Wifi no domingo, terceiro dia do Rock in Rio. A Oi montou uma infraestrutura de fibra óptica de 56 quilômetros para atender exclusivamente o evento.

Cidade 5G

Quinta geração da conexão móvel, ainda não disponível no Brasil, o 5G foi usado pela equipe de conteúdo do evento para a cobertura em suas redes sociais, com lives diárias e posts na sessão “Por trás das Câmeras”. As postagens mostraram os bastidores do que aconteceu durante as 14 horas diárias de festa no maior festival de música e entretenimento do mundo, com mais de 250 atrações espalhadas por nove palcos. O 5G tem uma performance até 10 vezes superior à da rede 4G, possibilitando altíssima velocidade no envio e recebimento do conteúdo trabalhado pela equipe do Rock in Rio durante o festival.

“Estamos bastante satisfeitos com o primeiro fim de semana de Rock in Rio, onde implantamos com sucesso a rede 5G e transformamos o evento na primeira cidade conectada pela nova tecnologia, com aparelhos operando nessa rede em alta velocidade e baixíssima latência. O WiFi liberado também atendeu todo o público presente, que pôde compartilhar facilmente fotos e vídeos nas suas redes ”, diz José Claudio Moreira Gonçalves, diretor de Operações da Oi.

Outra ação foi o lançamento da versão mobile do jogo Call of Duty, que foi criado no início dos anos 2000 para PCs e depois ganhou versões para diversos tipos consoles. O game foi lançado no espaço Freeplay, na Oi GamePlay Arena by GameXP, onde o público pode jogar online em smartphones 5G conectados pela Oi. A ação é resultado de uma parceria entre a Game XP e a Oi, primeira operadora brasileira a fazer testes com a quinta geração de telefonia móvel em demonstrações abertas ao público no Brasil.

Já a cobertura do Oi Wifi se estendeu por 345 mil m² do evento – quase a totalidade do parque –, incluindo o Palco Mundo, com 550 hotspots. Para manter a alta conectividade do local e a disponibilidade de todos os serviços (Internet, Oi WiFi e celular), foram instaladas também sete antenas para reforço da cobertura móvel 3G e 4G.

O som dos palcos Mundo e Sunset foi transmitido pela fibra da Oi, assegurando a amplificação dos shows para toda a Cidade do Rock com baixíssima latência, o que eliminou a possibilidade de delay entre a imagem do artista no telão e o som que chegava nas caixas distantes do palco. O sistema de iluminação dos dois palcos também utilizou a fibra da Oi.

Responsável por fornecer toda a infraestrutura de internet e conectividade do Rock in Rio 2019, a Oi está fornecendo links de dados de altíssima capacidade, totalizando 30 GB para garantir a conexão do evento. Para assegurar a disponibilidade dos serviços de internet na Cidade do Rock, que está totalmente conectada pela fibra da Oi, a companhia montou o NOC (Network Operation Center), o Centro de Monitoração Integrado que controla toda a operação na Cidade do Rock.

*Com informações da Oi

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

22/11/2019
Algar Telecom: teste real comprova a transformação feita pelo 5G

19/11/2019
Americanet define 5G como estratégico no seu negócio

18/11/2019
5G: Com testes favoráveis a filtros, teles rejeitam banda Ku como saída para 3,5 GHz

13/11/2019
Na Espanha, Telefônica diz que Oi iniciou contatos para vender operação móvel

11/11/2019
5G exige políticas públicas e apoio do Governo

11/11/2019
Redes privadas no 5G impulsionam o crescimento econômico do País

11/11/2019
Satélites vão ter papel central no ecossistema do 5G

08/11/2019
Teles não podem repetir 4G e serem engolidas pelas OTTs no 5G

08/11/2019
Ericsson: 72% dos decisores querem 5G em 2020 no Brasil

07/11/2019
Anatel adia e edital do 5G tende a ficar para 2020

Destaques
Destaques

Redes privadas no 5G impulsionam o crescimento econômico do País

“Nas quatro verticais indicadas pelo governo as redes privadas podem ter impacto forte. Por isso a abertura regulatória é muito importante”, defende a gerente da Qualcomm, Milene Pereira. 

5G já trouxe aumento de receitas para as operadoras

“Na Coreia, são 3,5 milhões de clientes em seis meses, 1 milhão com serviços de valor adicionado. Em apenas um trimestre as operadoras aumentaram as receitas em 2%”, afirma o diretor de soluções da Huawei, Carlos Roseiro. 

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Carro autônomo: decisões baseadas em dados vão evitar acidentes?

Por Rogério Borili *

O grande debate é que a inteligência dos robôs precisa ser programada e, embora tecnologias como o machine learning permitam o aprendizado, é preciso que um fato ocorra para que a máquina armazene aquela informação daquela maneira, ou seja, primeiro se paga o preço e depois gerencia os danos.


Copyright © 2005-2019 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site