Home - Convergência Digital

Uso de WhatsApp para negócios cresce 101% com Covid-19

Convergência Digital* - 18/05/2020

Para avaliar o impacto da COVID-19 na experiência do cliente, a Zendesk, empresa especializada em CRM e atendimento ao cliente, realiza, desde fevereiro, o estudo Benchmark Snapshot com mais de 23 mil empresas clientes em todo o mundo, trazendo todos os meses novas descobertas. Dos dados coletados entre meados de fevereiro e início de maio, alguns destaques incluem:

1. WhatsApp como o principal canal de comunicação

Não é novidade que o WhatsApp é o aplicativo de mensagens mais popular do mundo. Com mais de 2 milhões de usuários ativos mensais, é o líder em 112 países, inclusive no Brasil, que figura em segunda posição em número de usuários. À medida que mais empresas se conectaram à API de negócios do WhatsApp ao longo de 2019, vimos que o número de mensagens do WhatsApp que passaram pela plataforma Zendesk cresceu em mais de 3.000%.

Durante o surto da COVID-19, não foi diferente. Desde meados de fevereiro, houve um aumento de 101% no uso do WhatsApp por clientes que preferem conversar de forma bidirecional com empresas, seguido por aplicações de chat (+34%) nos sites e outras formas de conversação, que incluem: SMS/texto (+30%), Mídias Sociais (+20%) e Twitter/ FB direct message (+15%).

2. Inteligência Artificial para o primeiro contato

Em 2020, empresas em todo o mundo aumentaram o uso de inteligência artificial para acompanhar a digitalização dos negócios. Desde meados de fevereiro, quando a pandemia passou a ganhar força ao redor do mundo, houve um aumento substancial na adoção de IA (+95%), para lidar com o aumento da demanda.

Os serviços que mais adotaram essas tecnologias para suprir a demanda envolveram serviços essenciais diante do isolamento, como trabalho e educação a distância, e-commerce, games e o delivery de alimentos.

3. Autoatendimento entregará autonomia aos clientes

Na tentativa de evitar esperas no atendimento, os consumidores têm buscado respostas rápidas via artigos e perguntas frequentes disponíveis nos sites e nas centrais de ajuda online das empresas. Desde fevereiro, essa procura aumentou em 80%, especialmente para serviços como trabalho e ensino a distância (+376%), games (+110%), fitness (+101%), telecomunicações (+86%) e logística (+83%). Em alguns casos, o crescimento de autoatendimento chegou a ficar acima da demanda de pedidos de suporte, ajudando as equipes de atendimento a redirecionar tickets e a reduzir a carga de trabalho.

4. Consumidores serão mais flexíveis e empáticos

Desde meados de fevereiro, os tickets de suporte cresceram 33% na região da América Latina e 32% somente no Brasil, em comparação com o mesmo período de 2019. Esse aumento no Brasil ocorreu especialmente por conta dos picos de aumento de 31% no atendimento de grandes empresas e 27% de PMEs no período. Com o volume crescendo, algumas empresas estão enfrentando desafios como o tempo de resposta aos chamados de clientes. Mas, mesmo diante desta situação, o nível de satisfação do cliente (CSAT) ficou estável em torno de 89%, aumentando em 0,4% desde o início de março. Isto significa que os clientes estão mostrando compreensão com a situação de emergência e tendo empatia com as equipes de atendimentos.

5. Empatia como chave dos negócios

Quando falamos em soluções como automação e aprendizado de máquina, não estamos realmente tentando substituir as pessoas que dão suporte aos clientes. O que estamos tentando fazer é direcionar parte do trabalho para que possam se concentrar em problemas mais complexos onde humanos se diferenciam: paciência, gentileza e espírito de colaboração para identificar e resolver problemas delicados.

A tecnologia nos call centers é o que cria uma experiência do cliente, por que é o que permite que todos sejam tratados como seres humanos. E ainda mais agora, quando as equipes estão remotas. As pessoas devem pensar que podem confiar em quem as apoia e as ouve do outro lado. Em resumo, essa pandemia deixou como principais lições: aceitar a situação atual para entender melhor as reais necessidades e aspirações de seus clientes, perdendo o medo de se adaptar e se transformar, mas, acima de tudo, não perdendo essa grande oportunidade de realmente simpatizar com eles.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

15/10/2020
Covid-19 x saúde mental: mulheres empreendedoras pagaram a conta

05/10/2020
Serpro retoma as atividades presenciais, com exceção do Rio de Janeiro

01/10/2020
Covid-19: maioria teme o uso dos dados pessoais nos serviços públicos online

28/09/2020
SD-WAN ganha musculatura com a Covid-19 na América Latina

25/09/2020
Governo diz ter economizado R$ 1 bilhão com teletrabalho

23/09/2020
Mobile World Congresso 2021 é adiado de fevereiro para junho

23/09/2020
Dos 10% em teletrabalho no Brasil, maioria é branca, tem diploma e maior renda

21/09/2020
Covid-19 aumentou 16% os cancelamentos e em 10% a inadimplência em telecom

18/09/2020
Paul Krugman: crise econômica está longe de passar no mundo

18/09/2020
Bradesco: Empresas entenderam na dor as mudanças impostas pela Covid-19

Destaques
Destaques

Conexão no campo pode render até R$ 50 bilhões em dois anos

Estudo do Ministério da Agricultura e Pecuária (MAPA) revela que, hoje, faltam quase 15 mil antenas e torres para ofertar o serviço necessário para a digitalização do agronegócio. Os números foram revelados no Painel Telebrasil 2020.

Vitor Menezes, Minicom: Vamos brigar por um leilão 5G não arrecadatório

O Ministério das Comunicações sinalizou às operadoras que trabalha para convencer os colegas de Esplanada a concentrar os valores envolvidos no leilão do 5G em compromissos de cobertura, minimizando o preço a ser pago ao Estado, afirmou o secretário de Telecomunicações, Vitor Menezes, ao participar do Painel Telebrasil 2020.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Internet 5G traz disrupção para Telecomunicações até no modelo de negócio

Por Eduardo Grizendi*

Na RNP, estabelecemos um objetivo estratégico ambicioso – o de prover uma ciberinfraestrutura, segura, de alto desempenho e disponibilidade e, ao mesmo tempo, ubíqua, onipresente, em qualquer lugar e a qualquer hora, para nossas comunidades de educação, pesquisa e inovação.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site