Clicky

Convergência Digital - Home

EUA vão rever decisão que deu vitória à Microsoft na nuvem do Pentágono

Convergência Digital
Convergência Digital - 13/03/2020

O Departamento de Defesa dos Estados Unidos anunciou que deve reavaliar pelo menos parte da decisão que deu vitória à Microsoft no contrato de serviço de nuvem no chamado Empreendimento Conjunto de Infraestrutura de Defesa, ou JEDI na sigla em inglês, estimado em US$ 10 bilhões. A informação é da CNN.

A sinalização veio no processo movido pela Amazon Web Services, que acusa o governo de Donald Trump de ter tomado a decisão por motivações políticas, uma vez que o presidente americano é expressamente crítico do dono da Amazon, Jeff Bezos, que também possui o jornal Washington Post, de viés Democrata. 

Em informações prestadas no processo na quinta-feira, 12/3, o Departamento de Defesa indicou que “deseja reconsiderar a decisão em resposta a questões técnicas apontadas pela AWS”. O serviço de nuvem para o Pentágono tem duração estimada de 10 anos. 

Há um mês, por conta da ação movida pela AWS, a Justiça dos EUA já determinara a suspensão temporária do contrato. Em nota, a AWS comentou a nova posição do Departamento de Defesa e informou que a empresa estava “satisfeita que o DoD compreendeu as questões substanciais e legítimas que afetaram a decisão sobre o ‘JEDI’”. 

Segundo indicou a Microsoft, “a decisão de reconsiderar um pequeno número de pontos é provavelmente a maneira mais rápida de resolver todas as questões e rapidamente prover a tecnologia moderna ao pessoal das forças armadas”. 


Ministério da Justiça escolheu nuvem da Oracle para atender ao consumidor

"A nuvem nos abre um novo catálogo de possibilidades para serviços", afirma o coordenador geral de infraestrutura e serviços do Ministério da Justiça, Leonardo Greco. Serviço consumidor.gov.br migrou para a Oracle no final de maio.

Icatu Seguros: mudar atendimento ao cliente para a nuvem foi decisão irreversível

Seguradora contratou a CXone, da NICE, para migrar, em tempo recorde, os seus funcionários para o trabalho remoto. "Tínhamos de não perder a qualidade e a eficiência e adaptar o serviço ao dia a dia das casas dos colaboradores", conta o diretor de Marketing e canais, Rafael Caetano.

Diversidade e Ciência de Dados: um desafio ao Brasil

Mais mulheres precisam ocupar carreiras em Ciências, Tecnologia, Engenharia e Matemática pelo bem do País, incentiva a embaixadora da Women in Data Science da USP (WiDS @USP), Renata Sousa.

Destaques
Destaques

Nuvem exige plano A, plano B e erra quem não faz recuperação de desastre

A nuvem não é proteção por si só e exige muito planejamento das empresas, afirmam especialistas de segurança da informação. Para o CISO da RNP, Emilio Nakamura, contingência e resiliência são obrigações. "Ser rápido num incidente é o relevante porque não existem sistemas 100% seguros".

Com nuvem à frente, nova força da TI na pandemia começa a refletir nos orçamentos

Segundo a IDC Brasil, se 2020 já viu um aumento de até 25% no dinheiro disponível para TICs nas empresas, 2021 sinaliza um crescimento ainda maior.



Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Veja mais artigos
Veja mais artigos

Como controlar os gastos em nuvem pública?

Por Srinivasa Raghavan*

Se as empresas obtiverem melhor visibilidade do custo de cada serviço em nuvem que utilizam, poderão encontrar o equilíbrio certo entre eles, reduzir as despesas operacionais e obter o melhor valor possível da nuvem.

O caminho da cibersegurança passa pela nuvem

Por Felipe Canale*

Com organizações cada vez mais distribuídas, manter dispositivos em todos os locais ou usar produtos diferentes para trabalhadores remotos cria inúmeras brechas de segurança, além de custar muito e sobrecarregar os recursos de TI.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site