Clicky

Convergência Digital - Home

Covid-19 ajuda e-mail na nuvem a desbancar e-mail tradicional

Convergência Digital
Convergência Digital - 17/11/2020

A Unodata, fornecedora de soluções corporativas de mensageria, colaboração, segurança anti spam e backup em nuvem, registrou aumento de 40% em suas receitas no período de isolamento social imposto pela pandemia da Covid-19, que impulsionou a adoção do trabalho remoto nas empresas. Usuárias do e-mail tradicional instalado nos computadores, muitas empresas foram obrigadas a mudar este serviço para computação em nuvem para garantir o acesso online aos colaboradores a partir de seus notebooks e dispositivos móveis no home office.

A Unodata é Zimbra Business Partner no Brasil e oferece serviços compartilhados de e-mail, contatos, agenda, criação e armazenamento de documentos, e que apresenta como alternativa de custo-benefício às tradicionais plataformas de escritório proprietárias. Segundo Eder Miranda, diretor da Unodata, as empresas dependem do e-mail para realizar seus negócios e manter a sua operação e, de uma hora para outra, tiveram que adotar o trabalho remoto.

Com isso, tiveram que disponibilizar aos funcionários destacados para o home office os recursos tecnológicos para que pudessem realizar as suas tarefas. "Grande parte das empresas possui este serviço instalado em computadores e a migração para a computação em nuvem foi a solução encontrada. Registramos um aumento em torno de 40% no número de usuários neste período", afirma o executivo.

A Unodata já vinha registrando crescimento nos últimos anos impulsionado pela movimentação das empresas rumo à nuvem, motivadas pelo aumento da digitalização dos seus processos de negócios. "A pandemia veio acelerar essa mudança nas empresas, mesmo que sem planejamento e de modo emergencial. Antes da quarentena a nossa projeção era de crescimento em torno de 15% este ano e agora projetamos 40%. Passamos de 160 para 220 clientes e de 5 mil para 8 mil usuários atendidos. Neste caso o aumento foi de 60%", adiciona Miranda.

A segurança dos dados e a mobilidade empresarial também foram citadas pelo diretor da Unodata como um dos fatores que pesaram na decisão das empresas para escolha da plataforma Zimbra. "A quarentena obrigou as companhias a uma mudança que vinha sendo feita aos poucos da pandemia, porque sistemas instalados em computadores não evoluem na velocidade das novas tecnologias em cloud e mobile, nem oferecem a segurança necessária para a proteção dos dados. No caso do Zimbra, a solução é acompanhada de anti spam, recursos de autenticação em dois fatores, criptografia e comunicação via protocolo TLS e HTTPS", finaliza Eder Miranda.


Destaques
Destaques

Globo migra data center de produção digital para a nuvem pública do Google Cloud

Acordo entre as companhias tem validade de sete anos e engloba o uso do Android TV pela emissora. O data center próprio será vendido, informa o diretor de Estratégia e Tecnologia da Globo, Raymundo Barros. As CDNs da Globo seguem com infraestrutura própria.

Nuvem vira principal alavanca de TICs no Brasil e puxa R$ 181 bilhões até 2024

Projeções da Brasscom no TecForum 2021 ressaltam crescimento acelerado de 20% ao ano da computação em nuvem, especialmente IaaS e PaaS. Big Data, internet das coisas e inteligência artificial também são destaques. 



Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Veja mais artigos
Veja mais artigos

Como a IaaS está alinhada ao seu negócio?

Por Fábio Lucinari*

Cada vez mais é preciso considerar que as opções convencionais de TI tendem a ser ineficientes no trabalho de auxiliar as companhias a se adaptarem às necessidades e aos desafios do cenário atual. Infraestrutura como serviço oferece soluções projetadas sob medida e aprimoram o consumo da área de tecnologia.

IA, nuvem e IoT exigem data centers mais eficientes

Por Ed Solis*

Adoção crescente de tecnologias como inteligência artificial, internet das coisas e PoE estão na lista para melhorar o desempenho das redes e a eficiência do gerenciamento.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site