Home - Convergência Digital

SENAC e empresas de TI se unem e formulam curso de programação Full-Stack

Da redação - 14/01/2021

O Centro Universitário Senac lançou o curso de pós-graduação presencial em Full-stack Developer, que será ofertado no Centro Universitário Senac – Santo Amaro, localizado na zona sul da capital paulista. A especialização está com inscrições abertas até o dia 1º de março e a instituição oferece isenção da taxa de inscrição para o processo de ingresso por meio do site: www.sp.senac.br/posgraduacao.

O curso prepara o profissional para atuar na programação e desenvolvimento de soluções de software voltadas para plataformas web e mobile. Além disso, ensina a gerar novos produtos e serviços, aplicando técnicas, processos, ferramentas e linguagens de programação utilizadas nos segmentos de front-end, banco de dados, infraestrutura e back-end dos sistemas de informação. Trata-se de um curso inovador, desenvolvido depois de reuniões com alguns dos principais parceiros do Senac, como Microsoft, IBM, Amazon AWS, Red Hat e Oracle, para conceber a capacitação mais adequada para o Full-Stack Developer.

A especialização oferece ao profissional uma visão geral de desenvolvimento full-stack e seu papel no mundo corporativo.Durante as aulas, serão apresentados os produtos de software com as suas interfaces, as regras de negócio, back-end, front-end web, bem como as aplicações mobile e como manter a infraestrutura de operação com Development and Operations (DevOps). Também apresenta propostas de projetos para o desenvolvimento de um Minimum Viable Product (MVP) e o seu projeto completo baseado em problemas da atualidade.

Além da pós-graduação em Full-stack Developer, a instituição apresenta portfólio com diferentes especializações para quem deseja alavancar a carreira na área da Tecnologia da informação. São elas:  Big Data, Desenvolvimento de Games, Gestão e Governança da Tecnologia da Informação, Gerenciamento de Projetos - práticas do Project Management Institute (PMI), Inteligência Artificial e Internet das Coisas: Inovação Tecnológica e Negócios. Expectativa é que as aulas começem da forma remota por conta da pandemia, mas há a previsão da retomada das aulas presenciais. Para saber mais detalhes dos cursos e realizar a inscrição, os interessados devem acessar o site www.sp.senac.br/posgraduacao.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

12/02/2021
Laboratória abre inscrições para bootcamp de programação exclusiva para mulheres

29/01/2021
Empresas fora da área de TI se unem e oferecem 100 mil bolsas gratuitas para formação de desenvolvedores

14/01/2021
SENAC e empresas de TI se unem e formulam curso de programação Full-Stack

05/01/2021
Accenture e Gama Academy abrem 60 vagas para capacitação de programadores

24/11/2020
paySmart-Elo promovem maratona de desenvolvimento

04/11/2020
Fusão de startups nacionais cria maior comunidade de Devs da América Latina

02/10/2020
edTech nacional cria escola para formar programadores Web

21/09/2020
Julia, R e Scala: as linguagens de programação para ciência de dados

17/09/2020
Stefanini promove Maratona de Desenvolvimento 2020

11/09/2020
Procura por programador chegou a crescer 157% no Brasil por conta da Covid-19

Veja mais artigos
Veja mais artigos

Muito além do modismo. Muito prazer, Python!

Por Guilherme Lima*

Além de aumentar a produtividade do desenvolvedor, muitas vezes, a linguagem Python vai além de linguagens compiladas ou estaticamente tipadas, como C, C ++ e Java. É importante lembrar que o código Python tem, normalmente, de um terço a um quinto do tamanho do código C ++ ou Java, por exemplo. Isso significa que há menos para digitar, depurar e menos para manter após o fato.

Destaques
Destaques

Na liderança, curiosidade insana e coragem impactam mais que a competência

Vice-presidente para setor público na AWS, Teresa Carlson, e Indra Nooyi, membro do board da Amazon e ex-CEO e chairman da PepsiCo, admitiram que a Covid-19 tem provocado crises existenciais em muitas pessoas e que, há, sim, um forte e um injusto desequilíbrio para as mulheres.

Média salarial de profissional de TI no Brasil ficou em R$ 4.849,00

Pesquisa nacional, realizada pela Assespro-Paraná e pela UFPR, mostra a desigualdade econômica do país. No Nordeste, em Sergipe, a média salarial é de apenas R$ 1.943.00. Em São Paulo, essa média sobe para R$ 6.061,00. Outro ponto preocupante: a diferença salarial entre homens e mulheres segue acima de dois dígitos.

Certificação é critério de seleção para encarregado de dados

Ainda que a LGPD não exija qualificação específica, o mercado busca profissionais com conhecimento na área. Formação pode custar até R$ 6 mil, observou Mariana Blanes, advogada e sócia do Martinelli Advogados, ao participar do CD em Pauta.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Copyright © 2005-2015 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site