NEGÓCIOS

Alta do dólar aumenta preço dos PCs em até 14% no 2º trimestre

Convergência Digital* ... 17/09/2019 ... Convergência Digital

O mercado brasileiro de computadores cresceu 0,3% no segundo trimestre, de acordo com a IDC Brasil. No período, foram vendidas 1,448 milhão de máquinas, o que gerou uma receita de R$ 4,1 bilhões, crescimento de 12% em relação ao segundo trimestre de 2018. 

“O PIB teve alta de 0,4% no segundo trimestre na comparação com o primeiro trimestre, e de 1% em relação ao mesmo período de 2018. Apesar da alta maior do que era esperado, a recuperação econômica segue lenta, a cautela continua ditando o ritmo das compras nas empresas e dos consumidores domésticos, e os índices de crescimento nas vendas de computadores equilibrados com a economia”, diz Wellington La Falce, analista de mercado da IDC Brasil. 

O mercado corporativo, por exemplo, teve alta de 2% no segundo trimestre de 2019, com vendas de 536 mil máquinas, sendo 290 mil desktops e 246 mil notebooks. Segundo La Falce, o setor bancário e o de manufatura contribuíram bastante para esse movimento. No varejo, o crescimento em relação ao segundo trimestre do ano passado foi menor – apenas 0,5% -, mas bastante positivo em relação aos três primeiros meses de 2019, que tinha sofrido queda de 8%.

Entre abril, maio e junho deste ano foram vendidos 912 mil computadores, sendo 141 mil desktops, aumento de 12% em relação ao segundo trimestre de 2018, e 771 mil notebooks, queda de 1%.  “O mercado gamer já vinha se mostrando importante desde o ano passado e ficou ainda maior este ano, ajudando o segmento de computadores de mesa a crescer”, explica o analista da IDC.

Em termos de preços, os desktops ficaram 14% mais caros e os notebooks 8%, levando os preços médios para, respectivamente, R$ 2.150 e R$ 2.670. “O dólar aumentou bastante e travou o consumo, que já vinha sendo prejudicado pelos preços altos desde o segundo semestre do ano passado”, diz La Falce.

Para o segundo semestre, a projeção da IDC Brasil para o mercado de desktops é de crescimento de 6% e vendas de 350 mil máquinas a mais do que em 2018.Já os notebooks devem sofrer uma pequena retração no semestre, com a venda de 15 mil máquinas a menos.

Fonte: IDC Brasil

 


Tecnologia da informação evita tombo maior do setor de serviços

Segundo o IBGE, apesar do desempenho ruim das telecomunicações, os serviços de TI exercem a principal contribuição positiva dos serviços no acumulado até agosto de 2019. 

Rio de Janeiro precisa deixar de exportar CPF e CNPJ

"O Rio é protagonista de geração de inteligência e, hoje, temos de nos desafiar para reter nossos talentos", afirma o coordenador do Rio Info 2019, Alberto Blois. A diversidade foi a 'cara' do evento em 2019.

Fusões e aquisições em TI remodelam o mercado interno

Pesquisa da KPMG mostra que, no primeiro semestre, aconteceram 61 operações de compra em TI no Brasil, sendo 39 domésticas, 18 aquisições por grupos estrangeiros e 4 empresas brasileiras comprando companhias estrangeiras.

BR Distribuidora: A TI não pode se esconder atrás dos processos para se defender

"A TI precisa entender que do jeito que era não funciona mais. Ela precisa se enxergar como parte integrante do negócio", diz o CIO da BR Distribuidora, Aspen Andersen.


3º Seminário Brasscom de Políticas Públicas & Negócios 2018 - Cobertura Especial Convergência Digital
Brasscom lança manifesto para construir um Brasil Digital e Conectado

Entidade quer a colaboração da sociedade e de entidades de TI ou não para entregar um documento aos presidenciáveis. "Tecnologia precisa ser prioridade nacional", diz o presidente-executivo da Brasscom, Sergio Paulo Gallindo.


Veja a cobertura da 3º Seminário Brasscom de Políticas Públicas & Negócios 2018

  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G