NEGÓCIOS

Sharp confirma oferta pela Toshiba, em parceria com Foxconn

Convergência Digital ... 26/05/2017 ... Convergência Digital

A japonesa Sharp juntou-se à Foxconn para concorrer pela unidade de chips da Toshiba, no momento alvo de intensa competição entre gigantes da tecnologia. A confirmação se dá no momento em que a empresa apresenta o primeiro lucro em quatro anos, resultado que vem na sequencia da compra pela taiwanesa Foxconn (Hon Hai Precision) e de fortes cortes de custos. 

“Nós nos juntamos à oferta” para a unidade de chips da Toshiba, disse o presidente-executivo da Sharp, Tai Jeng-wu, na primeira confirmação oficial do envolvimento da empresa na disputa. “Mas não podemos comentar mais à medida que estamos no meio do processo [de leilão]”, divulgou a agência Reuters. 

Os sinais são de que pelo menos oito empresas do calibre de Apple, Amazon, Google, Western Digital, SK Hynix e Broadcom estão na disputa pela unidade de chips de memória flash NAND da Toshiba – que só fica atrás da Samsung nesse tipo de fabricação. A própria Foxconn anunciou que poderia pagar até 3 trilhões de ienes, ou algo próximo a R$ 85 bilhões, para ficar com a firma japonesa.


Cloud Computing
Backup e arquivamento de dados pessoais são os maiores riscos à privacidade de dados

Nos próximos dois anos, as organizações que não revisarem as políticas de retenção de dados para reduzir o volume de informações armazenadas e, por extensão, os dados que são copiados, enfrentarão um enorme risco de não conformidade, bem como os impactos, no bolso, de uma eventual violação.

Por mercado de BPO, Lumen IT compra Superabiz

Valor da transação não foi revelado pelas partes. Expectativa da fusão é simplificar o acesso às soluções de compliance fiscal, jurídico e para o SPED.

#RioéTech abre programação do Rio Info 2019

Evento, que chega em 2019 a sua décima sétima edição, já gerou R$ 250 milhões em negócios. Pré-eventos serão realizados em diversas cidades do Estado do Rio de Janeiro para aproximar empresas e Academia.

TI fica ainda mais estratégica na disrupção digital

“Onde existir um elo mais fraco pode haver uma disrupção grande e entrar uma fintech, uma startup”, lembra o vice-presidente de serviços financeiros da BRQ, José Antonio Afonso Pires.

Unisys: open banking só existirá com a LGPD implementada no Brasil

"Os dois são interligados porque a premissa maior é a segurança da informação", observa o vice-presidente e líder da Vertical de Serviços Financeiros para América Latina, Luís Rego. Decisão do Banco Central de postergar a consulta pública sobre o tema tem pontos positivos e negativos.


3º Seminário Brasscom de Políticas Públicas & Negócios 2018 - Cobertura Especial Convergência Digital
Brasscom lança manifesto para construir um Brasil Digital e Conectado

Entidade quer a colaboração da sociedade e de entidades de TI ou não para entregar um documento aos presidenciáveis. "Tecnologia precisa ser prioridade nacional", diz o presidente-executivo da Brasscom, Sergio Paulo Gallindo.


Veja a cobertura da 3º Seminário Brasscom de Políticas Públicas & Negócios 2018

  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G