TELECOM

Oi diz que teve prejuízo com o que Lava Jato chama de favorecimento

Luís Osvaldo Grossmann ... 10/12/2019 ... Convergência Digital

Incluída em nova fase da operação Lava Jato, a Oi - por meio de um comunicado ao mercado - rebateu a alegação de que foi favorecida por decisões do ex-presidente Lula, como apontou o Ministério Público Federal ao justificar a busca e apreensão realizada nesta terça, 10/12 – e que também atingiram o grupo Telefônica/Vivo. 

Diz o MPF que identificou pagamentos superiores a R$ 132 milhões a empresas do filho do ex-presidente, Fábio Luis da Silva, e alega que eles “foram realizados sem justificativa econômica plausível, ao tempo em que o grupo Oi/Telemar foi beneficiado por diversos atos praticados pelo Governo Federal.” Cita especificamente o Decreto 6654/08, que alterou o Plano Geral de Outorgas, permitindo a compra da Brasil Telecom. 

“Sob o ponto de vista da companhia, é importante ressaltar que os episódios até agora mencionados nas investigações não representaram de fato nenhum benefício ou favorecimento a seus negócios. Ao contrário, a companhia, ao protocolar sua petição com pedido de recuperação judicial, elencou alguns desses episódios – a exemplo da fusão com a Brasil Telecom e operações societárias com a Portugal Telecom – como componentes que levaram à crise de liquidez que justificou esse pedido”, diz a Oi. 

A operadora informa ainda que “no âmbito de investigações já concluídas ou em curso por diferentes autoridades, a companhia tem participado de forma colaborativa, com o envio de todas as informações solicitadas. A gestão da companhia reitera que não compactua com nenhuma irregularidade e não tem medido esforços para assegurar que quaisquer ações que eventualmente possam ter prejudicado a companhia sejam integralmente apuradas”. “A Oi é a principal interessada no total esclarecimento de eventuais atos praticados que possam lhe ter gerado prejuízo”, conclui. 


Internet Móvel 3G 4G
Anatel prorroga consulta pública do edital 5G por 15 dias

Prazo maior atende parcialmente os diversos pedidos apresentados à agência, que pleiteavam mais 45 dias. Também foram adotadas audiências públicas por videoconferência sobre revisão dos contratos. 

Revista do 63º Painel Telebrasil 2019
Veja a revista do 63º Painel Telebrasil 2019 Transformação digital para o novo Brasil. Atualizar o marco regulatório das telecomunicações é urgente para construir um País moderno, próspero e competitivo.
Clique aqui para ver outras edições

Claro, Oi, TIM e Vivo se unem e lançam campanha #FiqueBemFiqueEmCasa

Movimento apresenta as iniciativas em comum das operadoras para que as pessoas possam ficar em casa durante as ações de combate a pandemia do Coronavírus.

Teles pedem que cidades facilitem instalação de antenas no combate ao Coronavírus

Pedido é feito especialmente para grandes cidades como São Paulo, Belo Horizonte, Brasília, Florianópolis e Manaus. São mais de 4 mil pedidos de instalação aguardando liberação.

Oi fecha projeto-piloto com MOB Telecom e avança no mercado de atacado

Operadora entra com o fornecimento do backbone e da transmissão e a MOB Telecom, presdente em 15 estados do País, assume os serviços ao cliente.

Governo transforma Telecom, Internet, Data Centers e call centers em serviços essenciais

O Decreto Presidencial 10.282/2020 incluiu diversas atividades de TICs como consideradas indispensáveis ao atendimento da população por conta do coronavírus. A radiodifusão ficou fora da lista.




  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G