NEGÓCIOS

Maia evita 'dividida com o governo' e descarta discutir veto à desoneração da folha

Ana Paula Lobo* ... 23/07/2020 ... Convergência Digital

A notícia não é boa para as empresas de TIC que lidam com software e serviços de TI e serviços de telecomunicações. O presidente da Câmara Federal, deputado Rodrigo Maia (DEM/RJ), disse nesta quinta-feira, 23/07, em tom conciliador com o ministro da Economia, Paulo Guedes, que 'o momento é de diálogo e união de esforços com o governo'. Isso significa que o veto do presidente Jair Bolsonaro à prorrogação de desoneração da folha de pagamento por mais um ano não será colocado em discussão tão cedo.

“Vão ficar para frente todos os temas que nos dividem”, confirmou Maia, referindo-se à desoneração da folha de pagamento. Maia se esquivou de falar sobre associar a recriação de um imposto nos moldes das CPMF para bancar a desoneração da folha de pagamento. "Vamos trabalhar nos projetos que unem governo e parlamento', repetiu.

Em entrevista à rádio CBN, na tarde desta quinta-feira, 23/ o presidente da Confederação Nacional de Serviços (CNS), Luigi Nesi, defendeu a instituição de uma alíquota de 0,81% de impostos sobre transações financeiras para bancar a desoneração da folha de pagamento. Segundo ele, a Reforma Tributária precisa ser feita, mas com todas as cartas sendo colocadas à mesa. Segundo ele, a nova CPMF seria a resolução da economia digital.

"Sem a desoneração e a confirmação do aumento da carga tributária para serviços, com a alíquota de 12% para PIS e Cofins, o desemprego será certo. O único setor que ainda emprega no Brasil é serviços. Se for mantida assim, perdemos a esperança de que a economia vá ser resolvida no curto prazo", disse. Nesi defendeu o imposto digital, mesmo sabendo que ele é considerado 'antipático' pela maior parte da população.

"Esse imposto vai na prática reduzir a carga tributária porque não haverá mais contribuição para o INSS. A alíquota defendida por nós é de 0,81. Isso significa que um trabalhador que recebe R$ 1000,00 pagaria R$ 8,00 na boca do caixa. Hoje ele paga mais. O aumento de imposto para serviços sem compensação será repassado para o consumidor. Quebra a empresa, quebra o consumidor, quebra a economia", completou.


Desafio nacional: identificar os dados efetivamente valiosos ao negócio

Pesquisa da IDC mostra que quase a metade companhias pesquisadas no Brasil admitiu ter dificuldade para encontrar talentos e recursos responsáveis pelas análises das informações.

Fintechs mostram sua força no cadastramento para o PIX

Banco Central revela que Nubank, Mercado Pago e PagSeguro foram as instituições com mais cadastros de chaves de identificação para o uso do pagamento instantâneo, a partir de 16 de novembro. Em nove dias, o Banco Central contabiliza 33,7 milhões de cadastramentos.

STJ: Uso de criptomoedas para lavar dinheiro é crime de competência estadual

Criptomoedas não são caracterizadas pelo Banco Central como moeda tampouco são consideradas valor mobiliário pela Comissão de Valores Mobiliários, portanto, o ministro Felix Fischer, do STJ, entendeu que não cabe à justiça federal julgar crimes envolvendo o ativo.

ABES: desoneração da folha é vital para manter empregos em software e serviços

O Brasil cresceu 10,5% em TI em 2019, e deverá, apesar da Covid-19 e da crise econômica, registrar um crescimento de 4% em 2020, afirmou o vice-presidente do Conselho Deliberativo da Associação Brasileira das Empresas de Software, Jorge Sukarie.

Transformação digital é mudar a mentalidade de produto para solução ao cliente

"Não precisamos da furadeira, mas, sim, do buraco na parede", exemplificou Thales Teixeira, fundador da decouping.co, ao revelar o impacto da jornada digital. Para Teixeira, a inovação está no modelo de negócios. "A tecnologia é só um motor", pontuou.



  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G