SEGURANÇA

Zoom é isca em 99% dos ataques com ferramentas de ensino online

Convergência Digital ... 10/09/2020 ... Convergência Digital

As plataformas de educação online entraram na mira dos cibercriminosos durante a pandemia e os brasileiros estão entre as principais vítimas. Um novo levantamento da empresa de cibersegurança Kaspersky revela que ao longo do primeiro semestre de 2020, o Brasil foi o quinto país mais atacado por malware disfarçados de aplicativos de conferência ou de ensino. 

De acordo com o relatório, intitulado " Educação Digital: os ciber-riscos das salas de aulas online", o número de usuários que encontrou esse tipo de ameaça, no mundo, foi 20.000% maior em comparação ao mesmo período de 2019. 

A publicação atribui a explosão dos ataques disfarçados de plataformas de ensino à popularidade do Zoom. O app de conferências, amplamente usado para ministrar aulas durante a pandemia, foi usado como isca em mais de 99% das ameaças detectadas. Em 2019, a ferramenta havia sido usada em apenas 14% dos ataques dessa categoria no primeiro semestre daquele ano. 

Em segundo lugar, aparece o Moodle. Apesar do aumento dos malware disfarçados da plataforma de ensino a distância (672, em 2020; contra 497, em 2019), o Moodle representou cerca de 0,4% das ameaças dessa modalidade no primeiro semestre deste ano. Já no mesmo período de 2019, era usado como isca em 60% dos ataques. 

O relatório mostra ainda que, dos malware detectados, pouco mais de 90% foram riskware - arquivos que, uma vez instalados nos dispositivos, permitem aos cibercriminosos executar ações sem o consentimento do usuário. Outros 7% foram de adware, enquanto cerca de 1% foi de trojans. 


Zoom é isca em 99% dos ataques com ferramentas de ensino online

Segundo levantamento das empresas de segurança Kaspersky, em todo o mundo invasões desse tipo cresceram 20.000%. Brasil é o quinto país mais atacado. 

Ataques de phising crescem 600% na AL. Netflix é o alvo dos hackers

Campanha em nome da OTT se distribui por meio de um e-mail com o assunto "Alerta de notificação". A mensagem informa sobre uma suposta dívida acumulada em nome da vítima que pode levar à suspensão do serviço caso não sejam tomadas medidas rápidas.

Brasil sofreu mais de 2,6 bilhões de ataques cibernéticos no 1º semestre

Configuração incorreta de servidores é o principal responsável pela maior parte das tentativas de invasão, reporta estudo da Fortinet. Cai o número de tentativas de golpes usando a Covid-19.

Prejuízo médio com violação de dados sobe para R$ 5,8 milhões no Brasil

Estudo da IBM mostra que o aumento no valor foi de 10,5% em relação a 2019. O levantamento traz uma advertência: aumentou o prazo para contenção do vazamento nas empresas para 115 dias. Credenciais roubadas ou nuvens com configurações incorretas foram as brechas para as invasões.



  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G