Home - Convergência Digital

Hackathon Serpro quer atrair investidor estrangeiro

Convergência Digital - Carreira
Convergência Digital* - 27/02/2020

Apresentar soluções tecnológicas que aproximem investidores estrangeiros do mercado brasileiro: essa é a proposta do próximo Hackathon Serpro, que se realiza de 20 a 22 de março deste ano no Espaço Colabore, em Salvador. “Nesta próxima edição, os times devem desenvolver aplicativos, sites, APIs ou quaisquer soluções tecnológicas que ajudem a resolver o desafio proposto. A ideia é facilitar não só a conexão de investidores estrangeiros com empresários nacionais, mas ir além, oferecendo dados que facilitem a tomada de decisão”, destaca Tiago Arrais, Chefe da Divisão de Eventos do Serpro.

Esperam-se até 80 participantes, em equipes formadas por três ou quatro pessoas. A premiação será de dez mil reais para o time que apresentar a solução vencedora, sete mil e quinhentos reais para o segundo colocado e cinco mil reais para o terceiro. As equipes participantes deverão criar soluções que apresentem indicadores econômicos, estudos de mercado, relatórios de inteligência e quaisquer outras informações da economia brasileira que auxilie no processo decisório de potenciais investidores. A inovação que vier daí poderá ser utilizada pela Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (ApexBrasil), que externou a necessidade de contar com novas soluções de TI nessa área.

“Essa iniciativa é fruto de um acordo de cooperação técnica com o Serpro. É um evento de extrema relevância para a agência”, declara Camila Paschoal, gerente comercial da ApexBrasil. A executiva afirma que o Hackaton lidará com a questão do Investimento Estrangeiro Direto (IED). O IED é, em sentido amplo, “a movimentação de capitais internacionais para propósitos específicos de investimento, quando empresas ou indivíduos no exterior criam ou adquirem operações em outro país. O IED engloba fusões e aquisições, construção de novas instalações, reinvestimento de lucros auferidos em operações no exterior e empréstimos entre empresas do mesmo grupo econômico”. Para saber mais sobre a missão da ApexBrasil e seu portfólio de serviços, acesse a seção Perguntas Frequentes no site da agência.

Como participar

Pessoas interessadas em participar do evento devem acessar o site do HackSerpro ler o edital e preencher o formulário. Para completar a inscrição, as equipes precisam publicar um vídeo de até três minutos no YouTube, enviando o link para o e-mail do hackathon até o próximo dia 10 de março, conforme determinado no edital. Uma comissão julgadora aprovará as inscrições.

Os vídeos devem conter: uma breve apresentação dos membros da equipe; descrição de suas principais competências; linguagens, ferramentas e tecnologias que a equipe domina; mencionar experiências anteriores em eventos semelhantes, caso as possua; e indicar projetos relevantes dos quais a equipe já tenha participado. Para mais informações, acesse o regulamento disponível no site do evento.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

02/04/2020
App Vio, do Serpro, de autenticação por celular, avança para América Latina

24/03/2020
Contrato do Serpro com AWS é o primeiro em projeto de multinuvem

24/03/2020
Serpro contrata SDN para data center por R$ 8,437 milhões

23/03/2020
Serpro firma contrato sem licitação de R$ 71,2 milhões com a AWS

20/03/2020
TCU suspende contrato de R$ 12 milhões, sem licitação, do Serpro com PwC

17/03/2020
Serpro suspende atendimento e emissão de certificados digitais por coronavírus

16/03/2020
Coronavírus: Serpro adota teletrabalho, suspende reuniões, viagens e encontros

27/02/2020
Governo define o capital social do Serpro em R$ 1.061 bilhão

27/02/2020
Hackathon Serpro quer atrair investidor estrangeiro

18/02/2020
Mattar: Brasileiros e estrangeiros querem comprar Serpro e Dataprev

Veja mais artigos
Veja mais artigos

A urgência de cultivar talentos para TIC no Brasil e no mundo

Por Breno Santos*

A transformação digital ainda é um desafio para muitas empresas no Brasil e a aplicação estratégica das novas soluções deve acontecer por meio de equipamentos e mão de obra qualificada.

Destaques
Destaques

Faltam profissionais para cuidar dos ataques cibernéticos no Brasil

Ao publicar a Estratégia Nacional de Segurança da Informação, a e-ciber, o governo admite que o País possui poucos profissionais especializados em segurança cibernética; que há uma baixa conscientização dos usuários com relação ao tema e que é preciso urgente criar um programa nacional destinado à formação técnica nos órgãos do governo e nas empresas privadas.

TI e Internet lideram 13 dos 15 cargos profissionais em alta no Brasil

Levantamento feito pelo Linkedin mostra que gestor de redes sociais, engenheiro de cibersegurança, cientistas de dados e desenvolvedores seguem tendo alta demanda no mercado.

Déficit de mão de obra na América Latina será de 570 mil profissionais em 2020

Empresas da região vão investir nas tecnologias da terceira plataforma - cloud, analytics, Inteligência Artificial - e vão requisitar cada vez mais especialistas em programação e desenvolvimento, projeta estudo da IDC América Latina.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Copyright © 2005-2015 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site