Clicky

Copel Telecom marca privatização para novembro e quer R$ 1,4 bilhão

Luís Osvaldo Grossmann ... 17/09/2020 ... Convergência Digital

O Conselho de Administração da Copel aprovou a venda da Copel Telecom por R$ 1,4 bilhão, em leilão a ser realizado pela B3 em 9 de novembro deste 2020. O edital deve ser publicado em 21/9. A empresa tem cerca de 180 mil clientes.

O braço de telecom da estatal de energia detém 34 mil quilômetros de fibras ópticas e atende os 399  municípios do Paraná. A privatização é defendida pela geração de caixa insuficiente para manter investimentos. 

Além disso, o resultado de 2019 não ajudou. A Copel Telecom fechou o ano com prejuízo de R$ 120,4 milhões, depois do lucro de R$ 24 milhões em 2018. Segundo os números da empresa, a receita operacional foi R$ 22,6 milhões, 5,2% menor que no ano anterior, em movimento que segundo a própria “decorre principalmente da redução do número de circuitos de banda larga”. 

A Copel Telecom encerrou o ano passado com 412 funcionários e de acordo com planos já anunciados pela Copel, deverão todos ser realocados em outras empresas do grupo.


Internet Móvel 3G 4G
TIM entra na disputa pela gestão da iluminação pública com rede de IoT

Operadora fechou parceria com a M2M Telemetria para participar dos principais projetos voltados à nova gestão dessa infraestrutura pública. Tele conta com a cobertura da rede dedicada de NB-IoT, no 4G, presente em 3460 cidades do país.

Minicom cede Artur Coimbra para ser corregedor da ANPD

O secretário de radiodifusão, Max Martinhão, acumula interinamente a Secretaria de Telecomunicações. Segundo a pasta, ainda não há novo nome para substituir Artur Coimbra.

Anatel apreende 15 mil carregadores de celulares na 25 de Março, em São Paulo

Equipamentos não homologados foram avaliados em R$ 180 mil e foram recolhidos em um único distribuidor. Outros 11 mil carregadores foram apreendidos em três operações durante o mês de novembro.

TIM: dizer que 5G DSS não é o 5G é obrigatório para não queimar a tecnologia

Operadora informa que vai ter o 5G DSS em 12 capitais para testes em bairros, mas sustenta que a transparência é crucial. "O 5G DSS tem latência do 4G", afirma o CTIO, Leonardo Capdeville. Nas capitais, o 5G DSS será exclusivo para mobilidade. O acesso banda larga fixa - FWA - continuará em piloto.

Claro: Hábitos da quarentena transformaram as redes móveis

O diretor de Marketing da operadora, Márcio Carvalho, assegura que o 5G DSS está cumprindo bem o seu papel em grandes mercados, uma vez que a jornada até o 5G 'sonhado' deve levar algum tempo no Brasil.




  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • O Portal Convergência Digital é um produto da editora APM LOBO COMUNICAÇÃO EDITORIAL LTDA - CNPJ: 07372418/0001-79
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G