Clicky

GOVERNO

Estados e municípios vão ficar com US$ 1 bilhão do BID para digitalização

Luís Osvaldo Grossmann ... 29/04/2021 ... Convergência Digital

Costurada para viabilizar projetos regionais e locais de digitalização de serviços públicos, a linha de crédito aberta pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento ao Brasil, no valor de US$ 1 bilhão, é focada na transformação digital de estados e municípios. Para a Secretaria de Governo Digital do Ministério da Economia, em resultados esse valor vai se multiplicar por 20. 

“Transformação digital é cara para implementar, mas é barata se vista pelo resultado. No contexto do governo federal, e esse número pode ser até maior em um município mais carente, cada real investido retorna 18 reais em resultados. Se a gente arredondar o valor para R$ 5 bilhões, pode gerar R$ 100 bilhões para a economia brasileira em termos de resultado, que é aquilo que o cidadão vai perceber”, aposta o secretário Luis Felipe Monteiro.

Ele explica que os empréstimos serão concedidos diretamente aos entes subnacionais, mas haverá uma análise de compatibilidade com a estratégia federal de transformação digital. E para garantir que mesmo municípios pequenos tenham acesso aos recursos, será possível que cidades se juntem em consórcios. 

“Há a oportunidade de construção de consórcios entre os municípios. Como para o BID é cara a logística do empréstimo, tem um limite em torno de US$ 30 milhões. É muito para um município pequeno, que vai precisar de um empréstimo menor. Mas os municípios podem se agrupar em consórcio e assinar o contrato. O que é bom não apenas para acesso ao recurso, mas para compartilhar práticas e escalar aquela solução tecnológica.”

Segundo o secretário de Governo Digital, a criação dessa linha de crédito atende a necessidade de fomentar a digitalização em níveis locais e regionais, visto que prefeituras e mesmo governos estaduais não dispõem dos mesmos meios da administração federal. Assistam a entrevista do secretário de governo digital do ministério da Economia, Luis Felipe Monteiro sobre o uso dos recursos do BID.


Plano do Ceitec é manter 105 empregados até leilão da estatal em setembro

Em audiências de conciliação no TRT-RS, trabalhadores defenderam a transferência, mas governo ainda resiste à proposta. Estatal em liquidação insistiu na demissão de 33 funcionários, suspensa pela Justiça.

ANPD define listas tríplices para vagas no Conselho Nacional de Proteção de Dados

Dos 122 indicados, Autoridade aprovou 39, de onde sairão os 13 escolhidos pelo presidente Jair Bolsonaro.  Brasscom, Federação Assespro, ConTIC e Feninfra estão entre os selecionados.

LGPD: cidadão vai controlar dados pessoais pelo portal Gov.br

Promessa é secretário de governo digital do Ministério da Economia, Luis Felipe Monteiro. Plataforma permitirá ao cidadão revogar autorizações, ou reclamar à CGU.

Economia será o 'tinder' do financiamento para evitar desperdício no governo digital

“Não faz sentido um estado investir em uma identidade digital se já temos uma no governo, ou dois municípios gastarem com plataforma de gestão de tributo local”, explica o secretário Luis Felipe Monteiro.



  • Copyright © 2005-2021 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G