INTERNET

Imposto Digital: países fecham cerco às gigantes de Tecnologia

Convergência Digital ... 23/01/2020 ... Convergência Digital

O cerco está fechando e a cobrança de imposto das gigantes de Tecnologia como Google, Amazon, Facebook e Netflix parece ser cada vez mais realidade. Durante o Fórum Econômico Mundial, que acontece em Davos, na Suiça, o  ministro das Finanças francês, Bruno Le Maire, revelou ter firmado um acordo com os Estados Unidos sobre as bases para negociações futuras de um imposto digital global, no nível da OCDE.

“Tivemos longas conversas com o secretário do Tesouro dos EUA e o secretário-geral da OCDE, e estou feliz em anunciar que encontramos um acordo entre a França e os Estados Unidos, fornecendo a base para o trabalho na tributação digital na OCDE”, disse Le Maire no Fórum Econômico Mundial, em Davos, Suíça.

Quem também quer cobrar imposto digital é o Reino Unido, afirmou a ministra dos Negócios britânica, Andrea Andreassom. “Os Estados Unidos e o Reino Unido estão comprometidos em entrar em um acordo comercial e temos um relacionamento muito forte que remonta a séculos. Portanto, algumas das divergências que possamos ter sobre questões específicas não prejudicam de maneira alguma o excelente, forte e profundo relacionamento entre os EUA e o Reino Unido”, disse Leadsom à Talk Radio.

“Sempre há negociações e conversas difíceis, mas acho que, no que diz respeito ao imposto sobre tecnologia, é absolutamente vital que essas grandes multinacionais que estão gerando quantias incríveis de receita e lucro sejam tributadas, e o que queremos fazer é trabalhar internacionalmente com o resto do mundo para cobrir isso com um regime adequado que garanta que elas estejam pagando sua parte justa.”

Segundo o plano britânico, as empresas de tecnologia que gerarem pelo menos 500 milhões de libras (657 milhões de dólaraes) por ano em receita global pagarão uma taxa de 2% do dinheiro que ganham dos usuários do Reino Unido a partir de abril de 2020. No Brasil, o ministro da Economia, Paulo Guedes, colocou a cobrança do imposto digital à mesa, mas houve uma reação negativa. O tema, no entanto, segue em debate no governo Bolsonaro.

*Com Agência Reuters


Revista Abranet 30 . fev-mar-abr 2020
Veja a Revista Abranet nº 30 A matéria de capa enfatiza a relevância do engajamento ao mostrar que uma internet mais segura depende da ação conjunta de todos os atores do ecossistema. Tratamos também do leilão das frequências do 5G. Veja a revista.
Clique aqui para ver outras edições

Sem nova lei, Justiça condena deputado a indenizar em R$ 50 mil por fake news

Por vídeo com acusações falsas a ex-presidente do PT em Ubatuba (SP), de 2018, Alexandre Frota (PSDB-SP) terá também que se retratar em suas redes sociais. 

Mastercard calcula alta de 75% nas vendas pela internet em maio

Média desde março é de crescimento de 48% – mais que o triplo do trimestre anterior, quando foi 14%. 

CGI.br renova quadro de conselheiros pelos próximos três anos

Processo eleitoral seleciona os 11 representantes das empresas, terceiro setor e academia. Outras 9 vagas são do governo e uma de notório saber. 

MP estuda como combater fake news em redes sociais durante campanhas

No Rio de Janeiro, 200 promotores eleitorais realizaram workshop para atuação judicial e extrajudicial contra desinformação na internet. 

Silvio Meira: Fake News não vai acabar tão cedo no Brasil e no mundo

Ao participar do Convergência Digital em Pauta, o cientista, professor e empreendedor, Silvio Meira, foi taxativo:  a fake news combina ilusão com analfabetismo digital e só vai desaparecer quando o mundo for propriedade dos 100% digitais.



  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G