Clicky

Home - Convergência Digital

Leilão 5G: Embaixada da China reage forte contra filho do presidente Jair Bolsonaro

Ana Paula Lobo* - 24/11/2020

O filho do presidente da Repúblicca, Jair Bolsonaro, o deputado Federal, Eduardo Bolsonaro, criou um impasse diplomático ao publicar twetts, nesta terça-feira, 23/11, contra a China. O deputado Eduardo Bolsonaro acusou as empresas chinesa de praticar espionagem cibernética e defendeu a iniciativa- conduzida por Trump, que foi derrotado nas eleições dos Estados Unidos e sai do poder em janeiro de 2021 - de criar uma aliança internacional para discriminar a tecnologia 5G, leia-se, Huawei, no mundo. Há informações, não confirmadas, que um dos tweets foi apago pelo parlamentar.

A reação foi imediata da Embaixada da China no Brasil, que por meio de uma carta, fez duras críticas ao governo brasileiro. "Em 46 anos de relações diplomáticas, a parceria sino-brasileira conheceu um rápido desenvolvimento graças aos esforços das duas partes. A China tem sido o maior parceiro comercial do Brasil há 11 anos", diz o comunicado.

O informe lembra que o comportamento do deputado federal, Eduardo Bolsonaro, não tem o respaldo da população brasileira, que querem uma relação amistosa entre os dois países. "Instamos a essas personalidades a deixar de seguir a retórica da extrema direita norte-americana, cessar as desinformações e calúnias contra a China". Ao final, o texto deixa claro que se não houver uma mudança, essas pessoas terão de 'arcar com as consequências negativas e carregar a responsabilidade histórica de perturbar a normalidade da parceria China-Brasil".

Coincidência ou não, o presidente Jair Bolsonaro reuniu nesta terça-feira toda a cúpula da Anatel e do Ministério das Comunicações para tratar do leilão 5G. O presidente, de acordo com o ministro das Comunicações, Fábio Faria, cobrou celeridade para a realização da venda das frequências. A Anatel já determinou que o leilão acontecerá ao fim do primeiro semestre de 2021. O Convergência Digital publica a íntegra da carta da Embaixada da China.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

15/01/2021
Teles querem deixar migração das parabólicas para depois do leilão 5G

11/01/2021
Consumidor abre mão de acesso 5G por bateria com mais duração

05/01/2021
Brasileiro será CEO global da Qualcomm a partir de junho

18/12/2020
Abinee: Diferença de custo entre migração e mitigação no 5G é menor do que apontam teles

16/12/2020
Capdeville, CTIO da TIM: "Usamos equipamentos chineses há vinte anos e não há nada que desabone a rede brasileira"

16/12/2020
TIM: dizer que 5G DSS não é o 5G é obrigatório para não queimar a tecnologia

15/12/2020
Ceitec, no RS, tem estrutura para produzir chips 5G

11/12/2020
Algar Telecom testa OpenRAN em centro de 5G criado pela IBM, Flex e FIT

09/12/2020
Ericsson: Governos estão limitando e colocando o 5G em risco

08/12/2020
Fabio Faria reúne teles e diz que Bolsonaro e Minicom decidem sobre 5G

Destaques
Destaques

Uso da faixa de 700 MHz deixa 4G disponível 80% do tempo no Brasil

Segundo a mais recente análise da OpenSignal, TIM tem a rede de quarta geração com maior disponibilidade, 88,2%, à frente da Claro (79%) e Vivo (79,5%), Oi (70,2%). 

Um em cada quatro acessos móveis na América Latina será 5G até 2026

Nova edição do Relatório de Mobilidade da Ericsson aponta que até o final de 2020, mais de 1 bilhão de pessoas ao redor do mundo já estará usando 5G. 

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Edição de genes: como o 'reparo' do DNA pelo CRISPR impulsionará a Agricultura

Por Eduardo Prado*

Técnica permite o 'reparo' do DNA com altíssima precisão, o que permite, por exemplo, consertar 'mutações defeituosas' do DNA. A aparecimento da técnica deu um grande alento para o tratamento de doenças genéticas complexas. Estima-se que 6.000 doenças genéticas são causadas por mutações defeituosas, e apenas 5% delas pode ser tratada atualmente (sic!) ..


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site