Convergência Digital - Home

Azul Linhas Aéreas adota plataforma de atendimento da Oi na nuvem

Convergência Digital
Convergência Digital* - 31/07/2020

A Azul Linhas Aéreas apostou na nuvem para aumentar a sua eficiência operacional no agendamento da escala de trabalho da sua tripulação. A companhia aérea contratou a plataforma de colaboração Oi Cloud Communication, que atua 100% em nuvem e oferece funcionalidades robustas e independentes como PABX na Nuvem, Comunicação Unificada, Central de Atendimento e Omnichannel.

A tecnologia permitiu um incremento de 25% na taxa de êxito no retorno para a confirmação de escala da tripulação de sobreaviso. Cliente Oi desde a sua fundação, em 2008, fazendo uso de soluções de link de dados e voz - telefonia fixa e móvel, a companhia aérea adquiriu a solução de TI em dezembro de 2019 e, após 10 meses de funcionamento, garantiu o autosserviço para aproximadamente 4 mil pilotos e comissários que compõem as equipes de voo que necessitam aprovar ou alterar escalas.

“Antes de contarmos com o Oi Cloud Communication, o aceite ou o não aceite para um próximo voo por parte de um membro da nossa tripulação que se encontrava de sobreaviso era passível de gargalo na nossa central de atendimento. Hoje, a nossa taxa de êxito no retorno para a confirmação de escala subiu de 70% para 95% com a funcionalidade de PABX na Nuvem, uma melhoria que reflete na fluidez de toda a nossa operação, inclusive, com impacto no cliente final”, conta Kleber Linhares, Chief Information Officer da Azul Linhas Áreas.

Com a implantação da modalidade de PABX na Nuvem, que possui a ferramenta call back promovendo o retorno das chamadas de forma automática ou programada, contribuindo com a melhora do indicador, a Azul também contou com um diferencial relevante nesse período de pandemia da covid-19: a adaptabilidade do Oi Cloud Communication visto a atuação ser 100% em nuvem. Com as recomendações de isolamento social, a solução permitiu a companhia aérea migrar todo o time para o modelo de home office sem entraves operacionais.

A Azul possui atividades em mais de 100 localidades e, consequentemente, um alto volume de ligações para confirmações de escalas das tripulações. Com o Oi Cloud Communication houve uma melhora no desempenho operacional a partir da extração de relatórios que apontam os horários de picos de chamados, o tempo gasto em cada ligação, entre outras informações que dão subsídios a inteligência do negócio. A solução Oi Cloud Communication implementada na Azul conta com a parceria da Genesys.


Ministério da Justiça escolheu nuvem da Oracle para atender ao consumidor

"A nuvem nos abre um novo catálogo de possibilidades para serviços", afirma o coordenador geral de infraestrutura e serviços do Ministério da Justiça, Leonardo Greco. Serviço consumidor.gov.br migrou para a Oracle no final de maio.

CSU avança de empresa de BPO para uma companhia de tecnologia

Com diferentes atividades, entre elas, processamento de transações eletrônicas de meios de pagamento e serviços de relacionamento com clientes, a CSU contratou o NICE Nexidia para melhorar os resultados dos negócios com uma abordagem consultiva e analítica.

Cientista de dados: seja investigativo, analítico e curioso

Não há um perfil delimitado para o cientista de dados, o que significa que ele pode ser um 'profissional mais rodado e experiente' ou uim jovem recém-saído das universidades. Mas há um ponto essencial: a multidisciplinaridade, aponta o professor e especialista em ciência de dados do Instituto de Gestão e Tecnologia da Informação (IGTI), João Carlos Barbosa.

Destaques
Destaques

Fleury cria empresa baseada em ciência de dados e inteligência artificial

Saúde ID funcionará como um marketplace de serviços ligados à saúde e recebeu investimentos de R$ 50 milhões. O paciente terá todas suas informações de saúde integradas em uma única plataforma, que poderá oferecer às empresas e operadoras um serviço com algoritítimos preditivos.

No Brasil, empresas 'confiam, desconfiando' das multiclouds

Estudo, feito pela F5 com vários países da América Latina, mostra que as organizações têm menos confiança na capacidade da nuvem pública resistir a um ataque hacker voltada às aplicações. Escolha da nuvem é feita aplicação por aplicação.



Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Veja mais artigos
Veja mais artigos

Como controlar os gastos em nuvem pública?

Por Srinivasa Raghavan*

Se as empresas obtiverem melhor visibilidade do custo de cada serviço em nuvem que utilizam, poderão encontrar o equilíbrio certo entre eles, reduzir as despesas operacionais e obter o melhor valor possível da nuvem.

O caminho da cibersegurança passa pela nuvem

Por Felipe Canale*

Com organizações cada vez mais distribuídas, manter dispositivos em todos os locais ou usar produtos diferentes para trabalhadores remotos cria inúmeras brechas de segurança, além de custar muito e sobrecarregar os recursos de TI.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site