Home - Convergência Digital

José Luiz Rossi é promovido ao Grupo Experian e sai do comando da Serasa Experian Brasil

Convergência Digital - Carreira
Da redação - 04/02/2020

A Experian anunciou nesta terça-feira, 04/02, mudanças organizacionais em suas operações no Brasil e América Latina. José Luiz Rossi, atual CEO da companhia no Brasil e na América Latina, assumirá um novo papel no grupo Experian e manterá suas responsabilidades como Líder Executivo Sênior no Comitê Operacional do Grupo.

José Luiz Rossi ingressou na Experian há aproximadamente seis anos para liderar a operação na América Latina. Responsável pela transformação da companhia na região, conduziu os negócios rumo a uma complexa transformação tecnológica, posicionando a Serasa Experian no Brasil para a introdução do Cadastro Positivo e direcionando diversas iniciativas de sucesso para os negócios por toda América Latina. Essas qualidades serão críticas para continuidade dos investimentos e programas de transformação da Experian em outras regiões do mundo.

Valdemir Bertolo assumirá como Managing Director da Serasa Experian no Brasil, renunciando suas responsabilidades na América Latina Hispânica e como CFO no Brasil. Como Chief Operations Officer (COO) para a América Latina Hispânica, Valdemir desempenhou um papel crítico na expansão dos negócios da Experian na região, liderando iniciativas de crescimento, como a recente aquisição da Sentinel Perú, e estabelecendo um forte sistema gerencial para buscar mais eficiência ao negócio. Mariana Pinheiro, atualmente Líder de Decision Analytics & Marketing Services no Brasil, se tornará Managing Director da Experian na América Latina Hispânica.  Todas as mudanças serão efetivas a partir de 1 de Abril, início do novo ano fiscal do grupo Experian.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

Veja mais artigos
Veja mais artigos

A urgência de cultivar talentos para TIC no Brasil e no mundo

Por Breno Santos*

A transformação digital ainda é um desafio para muitas empresas no Brasil e a aplicação estratégica das novas soluções deve acontecer por meio de equipamentos e mão de obra qualificada.

Destaques
Destaques

Faltam profissionais para cuidar dos ataques cibernéticos no Brasil

Ao publicar a Estratégia Nacional de Segurança da Informação, a e-ciber, o governo admite que o País possui poucos profissionais especializados em segurança cibernética; que há uma baixa conscientização dos usuários com relação ao tema e que é preciso urgente criar um programa nacional destinado à formação técnica nos órgãos do governo e nas empresas privadas.

TI e Internet lideram 13 dos 15 cargos profissionais em alta no Brasil

Levantamento feito pelo Linkedin mostra que gestor de redes sociais, engenheiro de cibersegurança, cientistas de dados e desenvolvedores seguem tendo alta demanda no mercado.

Déficit de mão de obra na América Latina será de 570 mil profissionais em 2020

Empresas da região vão investir nas tecnologias da terceira plataforma - cloud, analytics, Inteligência Artificial - e vão requisitar cada vez mais especialistas em programação e desenvolvimento, projeta estudo da IDC América Latina.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Copyright © 2005-2015 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site