GOVERNO » Compras Governamentais

Telebras marca pregão eletrônico para comprar novos roteadores

Luís Osvaldo Grossmann ... 14/04/2020 ... Convergência Digital

A Telebras abriu nesta terça, 14/4, um novo edital, agora para a atualização de seus roteadores. Formalmente, trata-se de contratação, mediante registro de preços, de solução de rede de comunicação de dados baseada no Protocolo IP e MPLS, necessários ao processo de ampliação da capacidade de escoamento de tráfego dos roteadores de Edge, Outer, Peering e Reflector, suportando a expansão do tráfego IP atual e a demanda comercial prospectada, 

Ou seja, trata-se da substituição dos roteadores Edge, Outer, Peering e Reflector existentes por equipamentos de maior capacidade. A contratação também envolve o fornecimento de transceivers compatíveis com esses equipamentos, bem como serviços e materiais de instalação dos roteadores, de espelhamento óptico adicional, migração, desinstalação de equipamentos e seu transporte, planejamento técnico, além de garantia e assistência técnica, operação assistida e treinamento. 

A contratação será no modelo de registro de preços, com pregão eletrônico previsto para 15/5, via Comprasnet. A estatal avisa que haverá prova de conceito, ou testes de amostra como chamado no edital, relativo a desempenho, serviços e interoperabilidade, além de disponibilidade e funcionalidade. 

Para participar, é necessário que a candidata comprove ter realizado o fornecimento de serviços de engenharia de telecomunicação para provedores de serviço e acesso internet (ISP), classificadas pelo NIC.br como pelo menos “Medium”, ou para operadoras de telecomunicação nacionais, como Embratel/Claro, Vivo/Telefonica, Oi, TIM, Nextel, por exemplo. 


Revista do 63º Painel Telebrasil 2019
Veja a revista do 63º Painel Telebrasil 2019 Transformação digital para o novo Brasil. Atualizar o marco regulatório das telecomunicações é urgente para construir um País moderno, próspero e competitivo.
Clique aqui para ver outras edições

Governo segue com privatização de Serpro, Dataprev e Telebras para 2021

O secretário de desestatização do Ministério da Economia, Salim Mattar, disse que não há mudança de planos do governo Bolsonaro, mesmo com o papel desempenhado pelas estatais de TI na pandemia, e está mantido o plano de vender 12 estatais no ano que vem.

Projetos estratégicos de TIC dependem do ajuste fino entre os 'novos' MCTI e Minicom

No 'novo' MCTI, ficam políticas de inovação, entre elas,  Inteligência Artificial. O Minicom assume a política de Telecom e a radiodifusão.

TSE manda Dataprev parar de usar dados da Justiça Eleitoral para avaliar auxílio emergencial

Pedido foi feito de forma oficial pelo presidente do Tribunal Superior Eleitoral, Luiz Roberto Barroso. A alegação é que os BDs não informam o exercício de mandato eletivo.

Agência Espacial abre edital para lançamentos comerciais na base de Alcântara

AEB é responsável pelas tratativas iniciais com as empresas, nacionais ou estrangeiras, interessadas em utilizar a base brasileira para lançamento de veículos espaciais.

PL quer adiar venda do Serpro, Dataprev, Telebras e outras estatais

Proposta, que está em análise na Câmara dos Deputados, ressalta que o 'períodos de crise são um excelente momento para quem compra e péssimo para quem vende'. Privatizações estão agendadas para junho de 2021. Ideia é adiar as vendas para 12 meses após o fim da pandemia de Covid-19.



  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G