Clicky

Oi se posiciona como prestadora de serviços de TI

Ana Paula Lobo e Rafael Mariano ... 14/06/2019 ... Convergência Digital

A Oi se move para se posicionar como uma prestadora de serviços de TI no segmento B2B,  indo além da oferta de conectividade. No CIAB Febraban 2019, realizado esta semana, em São Paulo, a operadora mostrou um portfólio em que a segurança ganhou destaque com uma solução que permite a realização de videomonitoramento com analytics, para identificar pessoas e padrões de comportamento, protegendo o público de uma agência de situações de risco de modo preventivo e proativo.

Em entrevista à CDTV, do portal Convergência Digital, Rodrigo Shimizu, diretor de Marketing do Corporativo da Oi, falou sobre o impacto, no setor bancário, de tecnologias emergentes como Inteligência Artificial, Blockchain e Internet das Coisas. No caso de IoT, a Oi se diz preparada para fazer uma gestão dos dispositivos e de soluções. Já Blockchain é encarado como um desafio para todo o segmento de TI.

"Muito se fala sobre a tecnologia, e ainda temos de entender como construir as aplicações, mas é certo que blockchain estará associado a Inteligência Artificial e Internet das Coisas", sinalizou Shimizu. Já sobre computação em nuvem, o diretor de Marketing do Corporativo da Oi contou que a operadora possui nuvem própria privada e pública, construída com um parceiro canadense, mas a maior aposta é na multicloud para massificar o consumo dos serviços de cloud computing.

Para Shimizu, 2019 está sendo um ano muito relevante para os serviços de segurança da informação e confidencialidade dos dados. Assistam à entrevista.


Wi-Fi 6E Brasil 2021 - Cobertura especial - Editora ConvergenciaDigital

Uso da faixa de 6 GHz avança no mundo. 2021 terá dispositivos e celulares Wi-Fi 6E

No Brasil, conselho diretor da  Anatel decide se vai destinar os 1200 MHz da faixa ao uso não licenciado, em movimento semelhante ao que já se deu nos Estados Unidos. Movimento semelhante acontece na Europa e no Oriente Médio.

Veja mais matérias deste especial    •    Inscrição gratuita - Clique aqui

CVM cobra Telebras que anuncia renovação por 10 anos de contrato com Eletrobras

Acordo vale para o uso de fibras óticas e infraestrutura de telecomunicações com a Companhia Hidroelétrica do São Francisco (Chesf), Centrais Elétricas do Norte do Brasil S/A (Eletronorte) e Furnas Centrais Elétricas S/A (Furnas). Estatal teve movimentação atípica de ações.

Minicom: “Queremos o 5G standalone, que é o 5G de verdade, não um 4G plus”

Ao concluir viagem à Europa e Ásia para falar com fabricantes de equipamentos, o ministro das Comunicações, Fabio Faria, avisou que o governo também defende a exigência do release 16 do 3GPP no leilão da quinta geração. 

Claro e Vivo se isolam contra a exigência do 5G pleno

TIM, provedores regionais, pequenos prestadores e operadoras competitivas reforçaram aos parlamentares que 5G pleno não custa mais nem atrasa implementação no Brasil.

Anatel publica regras para fim das concessões de telefonia

Regulamento de Adaptação do STFC traz prazos e procedimentos para Oi, Telefônica, Claro, Algar e Sercomtel decidirem sobre a migração do regime público para privado. 




  • Copyright © 2005-2021 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G