Clicky

Home - Convergência Digital

Anglo American contrata a TIM para cobertura 4G LTE no Brasil

Convergência Digital - 12/02/2021

A TIM fechou um acordo com a Anglo American, uma das principais empresas do setor de mineração no mundo, que irá permitir a ampliação da cobertura 4G LTE para cinco plantas operacionais (Goiás, Minas Gerais e Rio de Janeiro), com mais eficiência, e permitindo a expansão de projetos de conectividade, inclusive em regiões e atividades mais críticas. Serão cerca de 3.800 empregados beneficiados com a solução, em sites relacionados à produção de níquel e de minério de ferro nas unidades de negócio da empresa no Brasil.

O acerto significa a entrada da tele no mercado de mineração que, de acordo, com o Instituto Brasileiro de Mineração (Ibram), o setor faturou mais de 153 bilhões de reais em 2019, sendo responsável por 4% do PIB. "Apoiar a conectividade em minas é fundamental para garantir a implantação contínua de novas tecnologias dentro de um processo produtivo", afirma o diretor de Soluções Corporativas da TIM, Paulo Humberto Gouvêa.

A ampliação da cobertura 4G às cidades de Barro Alto e Niquelândia (GO) permitirá à Anglo American incrementar a gestão de até 44.000 toneladas de ferro níquel por ano. A operação é responsável pela principal produção global de níquel do grupo, aplicado principalmente na indústria de aço inoxidável. Nos municípios mineiros de Conceição do Mato Dentro e Alvorada de Minas (MG) está a planta do Minas-Rio, responsável pela extração e beneficiamento de minério de ferro. De lá, o produto segue via mineroduto para o Porto do Açu, em São João da Barra (RJ). No porto, a empresa possui uma planta responsável pelo processo de filtragem do minério de ferro que será exportado.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

17/06/2021
FINEP aporta R$ 3 milhões em gêmeo digital para IoT da indústria 4.0

16/06/2021
Cade aprova venda do controle da empresa de fibra da TIM para IHS

15/06/2021
TIM emite R$ 1,6 bilhão em debêntures vinculadas à ESG

11/06/2021
Europa vai gastar US$ 200 bilhões com Internet das Coisas

09/06/2021
UIT adota recomendações globais para Internet das Coisas propostas pela Anatel

24/05/2021
Serpro vai ao mercado para buscar parceiros para Internet das Coisas

12/05/2021
Fundo para IoT chega ao mercado brasileiro com R$ 240 milhões

06/05/2021
TIM: Oi móvel é uma operação de venda para resolver um problema do setor

06/05/2021
TIM cansa de esperar teles e faz carreira solo na carteira digital

06/05/2021
CRM e big data da TIM vão estar 100% na nuvem até junho

Destaques
Destaques

IBM: Com 5G e Edge, redes das teles serão plataformas definidas por software

Só assim as operadoras de telecomunicações vão ser capazes de suportar as novas aplicações e terão como monetizar volumes crescentes de dados habilitados para o 5G e edge aponta estudo global da IBM, conta a líder de serviços de consultoria para a indústria de mídia e Telecomunicações da IBM América Latina, Marisol Penante.

GSMA faz ofensiva para reverter decisões a favor do Wi-Fi na faixa de 6GHz

Associação da indústria móvel admite, porém, que os países, na sua maioria, estão decidindo por dar a faixa de 6GHz, com 1200 Mhz, para os serviços não-licenciados, mas adverte: o 5G vai precisar de 2GHz de espectro na próxima década para oferecer todo o seu potencial.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Serviços de Valor Agregado são a aposta das teles para lucrar com 5G

Por Luiz Pereira*

Em tempos nos quais o serviço de conexão já virou commodity, companhias do setor precisam diversificar ofertas para aproveitarem nova tecnologia.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site