Home - Convergência Digital

Huawei supera Apple e se sustenta na 2ª posição do mercado de smartphones

Convergência Digital - Carreira
Da redação - 09/11/2018

Pelo quarto trimestre consecutivo, as vendas de smartphones caíram no mundo, segundo a IDC. De acordo com a consultoria, foram vendidos 355,2 milhões de unidades no terceiro trimestre de 2018, um declínio de 6%. No market share nacional, a Samsung se manteve na liderança, mas registrou queda e vendeu 72,2 milhões de unidades. Com o resultado, a fabricante coreana respondeu por 20,3% dos embarques de smartphones no mundo.

Apesar de o mercado chinês apresentar queda de venda - e pelo sexto trimestre consecutivo - os fabricantes chineses avançam no mundo. A Huawei superou a Apple e se sustentou na vice-liderança do mercado, com 52 milhões de smartphones, o que significa 14,6% do mercado. A Apple ficou com a terceira posição com 46,9 milhões de unidades vendidas. "A corrida no topo do mercado continua aquecida", avalia Anthony Scarsella, gerente de pesquisa do Worldwide Quarterly Mobile Phone Tracker da IDC.

A expectativa para minimizar a queda das vendas está no quarto trimestre - com Natal e Black Friday. "Temos muitos aparelhos novos à venda, com diversas funcionalidades como os novos iPhones, Note 9, Pixel 3 e outros. Os consumidores terão uma infinidade de opções. Esperamos um incremento nas vendas", completa Scarsella. A IDC aponta ainda para o forte crescimento de marcas chinesas como Xiaomi, que no Brasil fracassou, Oppo e Vivo estão crescendo muito em mercados emergentes como Índia e Indonésia, o que passa a incomodar os tradicionais fornecedores.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

17/06/2019
Compra de smartphone mais caro cresce 247% no 1º tri no Brasil

28/05/2019
Celulares Top vendem menos e modelos básicos turbinam fabricantes chinesas

03/05/2019
Apple despenca e Huawei assume segundo lugar no ranking de celulares

25/04/2019
Brasil precisa decifrar a transformação digital pelos smartphones

22/04/2019
Crise econômica e alta nos preços travam a venda de smartphones no Brasil

26/02/2019
Maioria descarta ficar um único dia sem celular

11/02/2019
Guerra comercial entre EUA e China derruba Apple

14/01/2019
Dólar valorizado travou a venda de smartphones no Brasil

09/11/2018
Huawei supera Apple e se sustenta na 2ª posição do mercado de smartphones

25/10/2018
Samsung processa ‘embaixadora’ da marca por usar iPhone em público

Destaques
Destaques

Para injetar R$ 200 bilhões na economia, IoT tem de ficar livre das amarras tributárias

Relator da proposta de tributo zero para Internet das Coisas, deputado Eduardo Cury, do PSDB/SP, disse que o setor precisa municiar o Parlamento com dados para convencer à Casa a conceder a desoneração.

5G exige muito espectro para entregar tudo que se espera da tecnologia

Anatel, indústria e teles sustentam que a nova onda tecnológica só vai atender as demandas esperadas se tiver frequência suficiente para melhorar os serviços.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

O potencial pouco explorado da Internet das Coisas

Por Daniel Kriger*

A grande mudança que a Internet das Coisas (IoT – Internet of Things) trará para a vida das pessoas está além da facilidade de se preparar um café, programar um banho quente ou economizar na conta de luz. Dar conectividade a objetos e abrir espaço para comandos inteligentes em inúmeras tarefas do dia a dia é um dos principais propósitos de IoT. Mas não é só isso.


Copyright © 2005-2019 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site