Home - Convergência Digital

TIM permite o uso do auxílio emergencial para pagamento de faturas e recarga

Da redação - 19/05/2020

A TIM passou a aceitar o cartão virtual da Caixa para pagamento de faturas e recarga. Assim, os clientes poderão usar parte do auxílio emergencial oferecido pelo Governo por conta do impacto da pandemia de Covid-19 para se manterem conectados.

A operadora é a primeira a oferecer a possibilidade de uso do cartão de débito virtual da Caixa para os segmentos pós-pago e controle. Os clientes poderão pagar suas faturas de forma simples e rápida, escolhendo a opção "pagar com cartão" na área logada do site http://www.tim.com.br. Já os usuários de planos pré-pagos podem fazer recargas com o auxílio emergencial por meio da plataforma de autoatendimento. Basta discar *244# no celular TIM e inserir os dados necessários.

O cartão de débito virtual foi criado pela Caixa Econômica Federal para facilitar o uso do dinheiro por quem recebeu o benefício do auxílio emergencial do Governo e está disponível para mais de 100 milhões de correntistas.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

10/07/2020
TIM avança com proposta de conta digital única para as teles

10/07/2020
TIM e C6 Bank combinam pacote de dados e cartão sem anuidade em nova oferta

09/07/2020
No Brasil, TIM nega descarte da Huawei para rede 5G

08/07/2020
TIM acaba com acesso grátis às chamadas de voz e vídeo do WhatsApp e Messenger

07/07/2020
Anatel assina com TIM primeira troca de multa por investimentos

02/07/2020
TIM atendeu três milhões de chamadas usando o Watson, na nuvem pública da IBM

26/06/2020
'Dados do bem', para combate à Covid-19, une TIM e rede Open D'Or

19/06/2020
Ministério da Justiça multa TIM em R$ 800 mil por bloqueio após franquia

18/06/2020
Após benção do TCU, Anatel fecha TAC da TIM em R$ 639 milhões

18/06/2020
Como alternativa à multa, Anatel quer 4G da TIM em cidade gaúcha de 3 mil habitantes

Destaques
Destaques

Tempo é um luxo que o Brasil não tem para fazer o 5G

Pesquisa da Omdia, ex-Ovum, em parceria com a Nokia, mostra que, nos próximos 15 anos, o 5G vai gerar R$ 5,5 trilhões para o País, sendo o governo beneficiado com o adicional de quase R$ 1 bilhão em receita com os serviços 5G.

Covid-19 fez smartphone virar agência bancária com 41% das transações financeiras

As transações bancárias feitas por pessoas físicas pelos canais digitais foram responsáveis por 74% do total de operações analisadas em abril, revela a Febraban.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Uma escolha de Sofia no leilão de 5G

Por Juarez Quadros do Nascimento*

Em um país democrático, como o Brasil, sem análise estratégica, não daria para arriscar em dispor, comercial e tecnologicamente, de “uma cortina de ferro ou uma grande muralha” para restringir fornecedores no mercado de telecomunicações.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site