TELECOM

Por reinvenção, TIM vai comprar plataforma de Inteligência Artificial

Ana Paula Lobo e Rodrigo dos Santos ... 21/11/2018 ... Convergência Digital

Reinvenção digital passa por usar novas ferramentas e a TIM Brasil vai ao mercado - com licitação a ser feita ainda em 2018 - para comprar uma plataforma de Inteligência Artificial, como o Watson, da IBM, para unificar toda a base de informações da companhia. Objetivo, afirma o recém-promovido a Chief Technology & Information Officer, Leonardo Capdeville, é ter a compra concretizada já no primeiro trimestre de 2019. Licitação deverá atrair empresas como Microsoft, IBM, Google e outros. Capdeville preferiu não falar de valores, mas admite que é uma concorrência relevante.

"Nós temos um piloto que a Tais, para uma operação MVNO, que reduziu 60% o custo das operações. Agora queremos levar essa ação para a rede, para o CRM, para o Marketing, para as vendas. Vamos ter um único big data e o motor cognitivo vai nos ajudar a criar serviços com as informações que temos da nossa base de clientes", sustentou Capdeville. O CTIO da TIM Brasil admite que o plano é ambicioso: tornar a TIM um hub digital, com a criação de diferentes marketplaces.

"Temos o lado bom e ruim para olhar. Realmente a TIM não entrou no chamado B2B, mas, agora, está preparada para fazer uma série de ofertas na modalidade de serviços. A Amazon não investiu em cloud para ser uma companhia de tecnologia, mas, sim, para resolver seu problema interno. Estamos indo na mesma linha e vamos, agora, agregar valor à conectividade. Queremos ir numa cidade e ofertar uma série de serviços", salientou Capdeville.

O CTIO da TIM Brasil diz que a era da transformação digital já passou. Agora o momento é o da reinvenção digital. "Se as operadoras continuarem com o modelo de vender pré-pago ou pós-pago para os clientes, vão morrer. Nós estamos nos reinventando", sinalizou Leonardo Capdeville. Nessa mexida na área de Tecnologia, a TIM contratou Guilherme Ferraz, ex-Globo, para a diretoria de Transformação Digital. "O objetivo era trazer uma pessoa de fora do mercado de Telecom. Sem os nossos vícios", acrescentou o CTIO.

Em entrevista à CDTV, do portal Convergência Digital, Leonardo Capdeville explica o processo de reinvenção digital, fala sobre quem vai pagar o 5G e de como as operadoras precisam agir para serem protagonistas da economia digital. O executivo veio a São Paulo nesta quarta-feira, 21/11, para formalizar a parceria de Inovação Aberta com o Cubo, do Itaú. A TIM é a única operadora atuando como mantenedora da iniciativa de inovação, que reúne mais de 70 startups. Assistam a entrevista com o CTIO da TIM Brasil, Leonardo Capdeville.


Painel Telebrasil 2019
A 63ª edição do principal encontro institucional de lideranças do setor de telecomunicações e TICs acontecerá entre os dias 21 e 23 de maio de 2019, em Brasília. Saiba mais em paineltelebrasil.org.br
Veja o vídeo

Marco de Telecom: CCT do Senado promete rapidez, mas quer ouvir presidente da Anatel

Os senadores da Comissão de Ciência e Tecnologia do Senado prometem uma votação rápida do novo modelo para o setor de Telecomunicações. Mas uma data para votação só deve ser definida na próxima semana, quando retorna de missão internacional a relatora do PLC 79/16, Daniella Ribeiro (PP-PB).

Anatel abre 90 dias para teles inscreverem suas inovações ao consumidor

Edital do Concurso Prática Inovadora nas Relações de Consumo nos Serviços de Telecomunicações 2019  prevê premiações separadas para pequenas e grandes empresas.

4G da Oi leva Internet e comunicação à estação brasileira da Antártica

Condições na base Comandante Ferraz - com ventos de até 200 Km/h e temperaturas recordes negativas - são inóspitas. Por vídeochamada, o comandante Geraldo Juaçaba e o diretor da Oi, Roberto Blois, falam ao Convergência Digital sobre o impacto dessa nova infraestrutura de telecomunicações na vida da base brasileira.

Sangria na telefonia fixa faz mercado perder meio milhão de linhas em janeiro

Nos 12 meses terminados em janeiro, sangria de assinantes do STFC passou de 2,5 milhões de acessos. A Oi, entre as concessionárias, detém 56,04% das linhas ativas. Entre as autorizadas, a Claro aparece com 10,2 milhões de linhas ativas, ou 62,41%.




  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G