Convergência Digital - Home

Ascenty lança NAP para oferecer baixa latência no datacenter

Convergência Digital
Por Roberta Prescott e Rafael Mariano - 13/11/2019

A Ascenty lançou Network Access Point (NAP) para atender às demandas de aumento de tráfego de dados. "Os nossos clientes precisam ter mais o máximo possível de opões para interconectar com baixa latência, com alta disponibilidade sempre buscando resiliência", afirmou Marcos Siqueira, vice-presidente de Operações da Ascenty, em entrevista à CDTV, do Convergência Digital.

O anúncio do NAP foi feito durante no XII Seminário Telcomp 2019, realizado nesta terça-feira, 12/11, em São Paulo. O executivo também comentou o impacto de 5G para o mercado de datacenter.

"Cada vez mais consumimos recursos, informações e elas precisam de alguma forma ser armazenadas em algum local. 5G vai acelerar o processo de internet das coisas, inteligência artificial, cibersegurança e tudo isto será armazenado nos grande provedores de nuvem, que são nossos clientes", disse. Assista à entrevista na íntegra:


LEIA TAMBÉM:
Destaques
Destaques

Brasil investe menos que o mundo em proteção de dados na nuvem

No País, 56% das empresas alocaram verba em novas soluções para lidar com a proteção de dados em nuvem nos próximos 12 meses. No mundo, esse percentual está em 70%.

Prefeitura do Rio e TIM fecham parceria por big data no combate ao Covid-19

Informações coletadas vão auxiliar no controle do vírus, já que permitem implantar medidas que facilitem a tomada de decisões. Plataforma já foi utilizada na Copa do Mundo de 2014 e usa apenas dados anonimizados.



Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Veja mais artigos
Veja mais artigos

Como gerenciar o caos da estratégia multicloud

Por Ivan Marzariolli*

Os gestores precisam de uma solução para atenuar os riscos de uma arquitetura multicloud e desafios operacionais, o que pode inclusive melhorar o compliance, a precisão e as necessidades de DevOps e SecOps, reduzindo o estresse na equipe de TI.

Segurança em nuvem na era da LGPD

Por Raul Leite*

Quando falamos de proteção da nuvem, as organizações devem ter em mente uma série de estratégias. A começar pela escolha minuciosa do provedor de serviços, que precisa estar preparado para os novos compromissos de privacidade. Também é necessário certificar se o armazenamento dos dados é feito de modo criptografado quando necessário pelo nível de sigilo da categorização de um dado.



Copyright © 2005-2016 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site