Clicky

Home - Convergência Digital

Reino Unido revê uso dos postes para levar 4G e 5G às áreas rurais e rodovias

Convergência Digital - 20/04/2021

O governo do Reino Unido delineou planos para eliminar os pontos cegos do sinal móvel nas áreas rurais e na rede rodoviária, como parte das reformas para melhorar a conectividade e acelerar a implementação da tecnologia 5G.

Em nota oficial, o governo informa que está propondo mudanças na atual legislação para remover uma das "maiores barreiras" para uma melhor conectividade nessas áreas, reduzindo o tempo de construção e os custos de novas infraestruturas, "protegendo as áreas rurais, minimizando qualquer impacto visual" .

A mudança passa pela autorização às operadoras de telefonia móvel para a construção de postes até 5 metros mais altos e 2 metros mais largos do que o permitido atualmente. O novo alcance, assume o governo, permitirá às teles a adoção de equipamentos para o compartilhamento mais eficiente da cobertura.

A mudança proposta se soma a um esforço do governo para entregar uma Rede Rural Compartilhada de 1 bilhão de libras, com o objetivo de garantir que todas as áreas do país possam acessar 4G. O governo acredita que os planos mais recentes fornecerão incentivos para que as empresas móveis melhorem os postes existentes em vez da construção de novos, enquanto as comunidades rurais não precisarão de tantos postes para “aproveitar ao máximo a tecnologia conectada a 5G”.

Nas estradas, o governo visa melhorar a cobertura móvel, permitindo que os postes de construção sejam colocados perto das rodovias. “Estamos estabelecendo planos para tornar mais fácil às operadoras móveis levarem a conectividade ao campo e impulsionar vilas e cidades a deixarem as trevas digitais", reforça o secretário digital, Oliver Dowden.

*Mobile World Live

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

07/05/2021
Teles denunciam, mas polícia não recupera antenas sequestradas no Rio

06/05/2021
Anatel propõe destinação de faixa de 4,84 a 4,94 GHz para banda larga móvel

20/04/2021
Reino Unido revê uso dos postes para levar 4G e 5G às áreas rurais e rodovias

17/02/2021
Ceará está proibido de impedir teles de bloquearem acesso à Internet ao fim da franquia de dados

16/12/2020
Claro se propõe a conectar 15 milhões de hectares de campo em 2021 em parceria com a John Deere

30/11/2020
Vivo toma liderança da TIM no pré-pago

30/11/2020
Vivo concede bônus de 1GB de Internet para clientes pré-pago em dezembro

30/10/2020
Anatel: rede neutra única é um risco à competição

22/10/2020
Dataprev abre pregão de R$ 195 mil para telefonia e internet móvel e smartphones

20/10/2020
Desertos digitais no Brasil só acabam com Reforma Tributária

Destaques
Destaques

IBM: Com 5G e Edge, redes das teles serão plataformas definidas por software

Só assim as operadoras de telecomunicações vão ser capazes de suportar as novas aplicações e terão como monetizar volumes crescentes de dados habilitados para o 5G e edge aponta estudo global da IBM, conta a líder de serviços de consultoria para a indústria de mídia e Telecomunicações da IBM América Latina, Marisol Penante.

GSMA faz ofensiva para reverter decisões a favor do Wi-Fi na faixa de 6GHz

Associação da indústria móvel admite, porém, que os países, na sua maioria, estão decidindo por dar a faixa de 6GHz, com 1200 Mhz, para os serviços não-licenciados, mas adverte: o 5G vai precisar de 2GHz de espectro na próxima década para oferecer todo o seu potencial.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Serviços de Valor Agregado são a aposta das teles para lucrar com 5G

Por Luiz Pereira*

Em tempos nos quais o serviço de conexão já virou commodity, companhias do setor precisam diversificar ofertas para aproveitarem nova tecnologia.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site