Clicky

Oi quer cortar 2 mil postos de trabalho com demissão incentivada

Ana Paula Lobo* ... 09/10/2020 ... Convergência Digital

A Oi anunciou no fim da tarde desta sexta-feira, 09/10, que quer cortar dois mil postos de trabalho, ou 15% da sua força de trabalho, por meio de um plano de demissão incentivada. A companhia argumenta que manteve, desde 2016, o quadro funcional inalterado, apesar de 'todas as adversidades decorrentes do processo de recuperação judicial".

De acordo com o comunicado, o PDV é decorrente da implementação do plano estratégico de transformação, que tem como foco a massificação da fibra ótica no Brasil, “visando à transformação da companhia na maior provedora da infraestrutura de telecomunicações do país”, além da necessidade de readequação de estruturas organizacionais.

Os empregados que aderirem ao plano terão direito a condições diferenciadas, que incluem o recebimento de parcela de natureza indenizatória em função do tempo de empresa, além da extensão de benefícios, como plano de saúde, plano odontológico e seguro de vida. No dia 5 de outubro, o juiz Fernando Viana, da 7ª Vara Empresarial do Rio de Janeiro, homologou o aditamento ao plano de recuperação judicial da companhia.

*Com informações da CVM




Internet Móvel 3G 4G
Teste na Europa registra 1Gb de velocidade em ondas milimétricas 5G

Telecom Italia, Ericsson e Qualcomm realizaram um piloto em Roma, na Itália, em mmWave 5G em 26GHz, e anunciaram ter conseguido taxas de 1GB/s no downlink e 700 Mb/s no uplink. Novo teste será feito, agora, na cidade de Front, em Torino, também na Itália.

Oi é única a crescer na TV paga, mercado que encolhe há seis anos sem reagir

No acumulado de janeiro a outubro de 2020, já se foram mais 660 mil acessos perdidos no segmento – e quase 5 milhões desde o pico, em 2014. 

Anatel encerra ciclo de TACs em acordo fraco com Algar

Depois de fracassar na troca de multas por investimentos com Oi, Vivo e Claro, agência contabilizou sucesso somente com a TIM e permitiu à Algar cortar mais da metade do acerto inicialmente firmado. 

Anatel renova faixa de 850 MHz para Vivo, mas nega pedido de redução de preço

Empresa renovou apelo ao regulador para que fosse aplicada a regra do preço público ou ônus de 2%, ambos abaixo do valor de mercado.

STF julga inconstitucionais leis de BA e RJ sobre créditos pré pagos e cobrança de serviços

Mais uma vez, Supremo ressaltou que, ainda que importantes ações em defesa dos consumidores, normas estaduais não podem invadir a competência privativa da União de legislar sobre telecomunicações. 

Revista do 63º Painel Telebrasil 2019
Veja a revista do 63º Painel Telebrasil 2019 Transformação digital para o novo Brasil. Atualizar o marco regulatório das telecomunicações é urgente para construir um País moderno, próspero e competitivo.
Clique aqui para ver outras edições



  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • O Portal Convergência Digital é um produto da editora APM LOBO COMUNICAÇÃO EDITORIAL LTDA - CNPJ: 07372418/0001-79
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G