Clicky

Justiça confirma venda da Oi Móvel para 14 de dezembro

Luís Osvaldo Grossmann ... 06/11/2020 ... Convergência Digital

A 7ª Vara Empresarial do Rio de Janeiro homologou na noite de quinta, 5/11, os termos do edital do leilão para a venda dos ativos de telefonia móvel da Oi, com uma eventual disputa, se houver, marcada para 14 de dezembro. Por enquanto, a única proposta no páreo foi apresentada pela associação entre Vivo, Tim e Claro, que soma R$ 16,56 bilhões – R$ 15,74 bi pelos ativos, mais R$ 819 milhões por um contrato de uso pelos circuitos da Oi. 

Segundo a homologação, as ofertas serão abertas a partir das 14h30 de 14/12, em audiência online – até lá, devem ser encaminhadas propostas fechadas ao cartório da 7ª Vara Empresarial. Junto com a proposta deve ser apresentado um email para onde será enviado o link da audiência virtual. Os interessados em participar devem confirmar essa intenção em até sete dias úteis a partir do edital. E as propostas fechadas levadas ao Juízo da Recuperação Judicial até 30 dias após a mesma publicação. 

A venda inclui a base de clientes, os termos de uso de radiofrequências, parte dos elementos de rede, além dos sistemas usados na operação móvel. Não serão transferidos os elementos ativos ou passivos da rede de transmissão. No lugar, haverá um ‘contrato de capacidade’, pelo qual a Oi se compromete a manter os circuitos e conectividade atualmente utilizados pela rede móvel. Tampouco serão alienadas lojas e imóveis, mas firmados contratos de locação. Caso a Oi consiga vender as torres que possui, haverá contrato vinculando essas infraestruturas ao comprador da operação móvel. 

O edital reitera o valor mínimo da UPI Ativos Móveis em R$ 15,74 bilhões, que “deverá ser somado ao VPL do Contrato de Capacidade”, ou seja, “um relevante contrato de prestação de serviços de transmissão de dados na modalidade take-or-pay pelo prazo de três, cinco, ou dez anos”. O edital fixa o preço mínimo desse “contrato de capacidade” em R$ 819 milhões. Ou seja, o preço mínimo pela Oi Móvel é na prática de R$ 16,56 bilhões. 


Internet Móvel 3G 4G
Índia bane para sempre aplicativos chineses como TikTok e WeChat

Tensão entre Índia e China só faz crescer. nos últimos meses por conta da pandemia de Covid-19. Dados de mercado dão conta que mais de 250 aplicativos chineses já foram banidos do País sob a acusação de 'ameaça à soberania e integridade'.

Covid-19 faz disparar as queixas contra banda larga e celular pré-pago

Balanço da Anatel mostra que no geral as reclamações caíram 0,5% em 2020. Mas aumentaram 31,6% na internet fixa e 16,2% na telefonia móvel. 

Venda de celulares cresce 10%, puxada por aparelhos mais caros

Segundo a IDC Brasil, smartphones tiveram alta de 14% entre julho e setembro de 2020, enquanto os modelos mais baratos, feature phones, caíram 26%. Mercado cinza encolheu e receita com vendas disparou 48%.

STJ: Agenda do celular não tem proteção de sigilo

Segundo a Quinta Turma do Superior Tribunal de Justiça, diferentemente de mensagens e conversas, contatos da agenda e registros de chamadas não precisam de autorização judicial para serem acessados pelas autoridades. 

Algar substitui Claro no 0800 do Ministério da Economia

Contrato de R$ 28,7 mil tem validade inicial de um ano, até o final de 2021. 




  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • O Portal Convergência Digital é um produto da editora APM LOBO COMUNICAÇÃO EDITORIAL LTDA - CNPJ: 07372418/0001-79
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G