Home - Convergência Digital

Recife prepara licitação para Wi-Fi em 3 mil ônibus

Da redação - 08/08/2016

A empresa pública que gerencia o sistema de transporte público na região metropolitana de Recife, em Pernambuco, prepara a contratação de WiFi para cerca de 3 mil ônibus que rodam em 394 linhas administradas pelo Grande Recife Consórcio de Transporte (GRCT). 

O sistema já começou a funcionar em forma de experiência em 115 ônibus, que rodam em 14 linhas. A proposta em discussão é de que o edital garanta o fornecimento do serviço via permuta para uso de espaço publicitário nos ônibus – ou seja, sem custos para os passageiros ou para o Poder Público. 

Pelo sistema já em funcionamento, a ideia é ter conexões em 4G nos coletivos, ainda que o uso seja relativamente restrito. Ele permite conexões simultâneas de até 60 pessoas, mas não com taxa de transferência suficiente para grandes dowloads – nem é possível ver um filme, nem consegue ser acessada por quem está do lado de fora dos ônibus. 

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

06/05/2020
Anatel publica regra que permite WiFi mais potente

17/03/2020
Parceria entre Hughes e Facebook instala no Brasil milésimo WiFi comunitário

04/02/2020
Preço é salgado, mas geladeiras conectadas ganham escala no Brasil

16/09/2019
Wi-Fi Alliance disponibiliza certificação para o Wi-Fi 6

13/09/2019
Claro vai fornecer WiFi nativo em todos os carros da GM na América Latina

23/08/2019
Anatel aprova consulta para aumentar potência do Wi-Fi

21/08/2019
Startup abre 60 vagas para expansão dos negócios

10/07/2019
Frente ao 5G, entidade mundial lança diretrizes para massificar o Wi-Fi 6

08/07/2019
Na mobilidade, os dispositivos vestíveis são os que mais vendem no Brasil

22/05/2019
Anatel vai permitir que roteadores WiFi tenham potência maior

Destaques
Destaques

Oi Móvel terá um 'único' dono e Oi não se exclui do jogo do 5G

O CEO da Oi, Rodrigo Abreu, descartou a possibilidade de vender a Oi Móvel 'fatiada' para atender aos interessados: Vivo/TIM e Claro. "Sem chance. O ativo será vendido todo", disse. Sobre o 5G, diz que dependendo do modelo de venda, a Oi entra pensando em B2B, IoT e até para ser MVNO.

Regulamentação de IoT passa por tratar a coleta e a proteção dos dados

De acordo com a KPMG, será preciso ainda cuidar da avaliação de riscos, governança, gestão da configuração e gestão da cadeia de suprimentos.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Uma escolha de Sofia no leilão de 5G

Por Juarez Quadros do Nascimento*

Em um país democrático, como o Brasil, sem análise estratégica, não daria para arriscar em dispor, comercial e tecnologicamente, de “uma cortina de ferro ou uma grande muralha” para restringir fornecedores no mercado de telecomunicações.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site