Home - Convergência Digital

Quase 40% das empresas brasileiras já adotam teletrabalho

Convergência Digital - 26/09/2019

É crescente o uso do teletrabalho, ou ‘home office’. Segundo pesquisa da consultoria inglesa Hays, mundialmente esse número cresceu de 35% para 51% entre 2017 e 2018. E o Brasil não está fora desse movimento. O estudo mostra que 36,5% das empresas brasileiras contam com a politica de trabalho remoto.

Os dados brasileiros foram mapeados pelas empresas de soluções digitais de RH Convenia e Ahgora realizaram uma pesquisa com mais de 1 mil profissionais de pequenas e médias empresas nas áreas de gestão de pessoas, controladoria, contabilidade, administrativo-financeiro.

Entre os entrevistados que trabalham em companhias que ainda não oferecem home office, 58,8% afirmam querer ou considerar trabalhar remotamente. Com relação às dificuldades de adaptação, para 44,8% das pessoas ouvidas, o controle nas horas para a gestão da jornada de trabalho é uma das barreiras. Manter a produtividade foi outro desafio apontado por 40% dos entrevistados.

A pesquisa aponta ainda como a tecnologia pode atender aos desafios que a chegada de um novo modelo de trabalho pode trazer. Entre as dicas estão o uso de aplicativos de registro com reconhecimento facial e pluggins para marcação de ponto no navegador de internet, via celular.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

06/07/2020
No Brasil, 60% dos atendimentos em call center são home office

01/07/2020
Projeto no Senado quer regime especial para o Telebralho

22/06/2020
Com home office, não há sentido pagar vale-alimentação e vale-transporte

01/06/2020
Teletrabalho atinge 51% do serviço público federal

06/05/2020
Pós Covid-19, maioria dos profissionais quer manter o teletrabalho

28/04/2020
Empresas de software produzem manual com regras para o teletrabalho

09/04/2020
Teletrabalho já alcança 43% dos servidores públicos federais

06/04/2020
Teletrabalho vai crescer 30% mesmo após pandemia do Coronavírus

30/03/2020
TST: Teletrabalho tem de respeitar os contratos vigentes

10/02/2020
Justiça diz que empregador não é obrigado a pagar despesas com home office

SAS Institute oferece 50% de desconto em julho em cursos voltados a análise de dados

Quer aprender a tirar o melhor proveito do seu dado? Aprenda como tirar insights para o seu negócio. Entre os cursos com desconto estão 'descomplicando os dados através de relatórios' e 'entendendo e tirando valor dos dados usando códigos SAS'

Veja mais artigos
Veja mais artigos

Seis dicas para formar uma equipe de trabalho resiliente

or Craig Mackereth*

Formar uma equipe ou força de trabalho resiliente não é tarefa que se execute da noite para o dia. Tampouco é possível tornar uma equipe verdadeiramente resiliente se isso ainda não estiver integrado ao DNA da empresa.

Destaques
Destaques

Teletrabalho: medo de perder emprego cria obrigação de ficar 100% online

Pesquisa do LinkedIn aponta que 68% dos brasileiros têm trabalhado de uma a quatro horas a mais por dia por conta de estarem em home office. Maior parte reclama de ansiedade e estresse. Maioria também reclama da ausência dos colegas de trabalho, mas 43% se sentem mais produtivos com o trabalho remoto.

TST suspende demissões na Dataprev enquanto durar crise da Covid-19

Trabalhadores alegaram que os prazos acordados no fim da greve não terão como ser integralmente cumpridos diante da situação emergencial com a epidemia do coronavírus. 

TST: Teletrabalho tem de respeitar os contratos vigentes

Corte aponta, no entanto, que em situações emergenciais, como a atual crise da Covid-19, a adoção da jornada online temporária prescinde formalização, mas deve respeitar leis trabalhistas. 

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Copyright © 2005-2015 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site