SEGURANÇA

PF prende hackers que fraudavam cartões e vendiam aprovação em prova da OAB

Convergência Digital ... 04/06/2019 ... Convergência Digital

A Polícia Federal anunciou nesta terça, 4/6, a prisão de cinco pessoas acusadas de diversas fraudes com uso de tecnologia digital. Segundo a PF, a mesma quadrilha atuava em estelionato e fraudes, clonagem de cartões e invasão de bancos de dados.

Entre os crimes, os hackers conseguiram acessar o banco de dados da Fundação Getúlio Vargas e adulterar resultados do Exame da Ordem dos Advogados do Brasil, prova que dá direito ao registro como advogado profissional. De acordo com a PF, as notas eram alteradas diretamente no sistema da FGV após a segunda fase do exame. Para isso, cobravam em criptomoedas.

A polícia informou que a investigação, aberta há dois anos, identificou pelo menos duas pessoas que pagaram pela fraude no Exame da OAB. A operação contou com a colaboração tanto da própria FGV como da Ordem dos Advogados. Apurações continuam para identificar se as fraudes foram cometidas em outros concursos realizados pela mesma instituição.

Além das cinco pessoas presas, a PF indicou ter identificado outras duas pessoas que fazem parte do mesmo grupo. Os mandados de prisão foram cumpridos em São Paulo (um na capital e outro em Santos); dois no Rio Grande do Sul (em Santa Maria e Tapes) e outro no Ceará (Fortaleza). Os agentes também cumpriram cinco mandados de busca e apreensão.


Globo afirma que ataque hacker não 'roubou' dados de usuários

Houve duas invasões ao sistema de notificações push da Globoplay e da GShow no final de semana. O ataque teria sido conduzido por um grupo hacker da Arábia Saúdita. Segundo a Globo, 'invasores se limitaram a enviar mensagens para toda a base'.

Consciência é a maior vacina contra os riscos cibernéticos

Em tempos de home office por conta do coronavírus, o gerente de segurança do CAIS/RNP, Edilson Lima, diz que cabe ao usuário redobrar seu cuidado. "Cada um tem de fazer sua parte", afirma.

Cibercrime usa Coronavírus para roubar dados pessoais no WhatsApp

Golpe oferece suposto kit gratuito com máscara e álcool gel - a ser dado pelo Governo Federal - para atrair as pessoas mais nervosas em relação à pandemia.

RNP terá programa para formar profissionais em Segurança Cibernética

O diretor da área na Rede Nacional de Pesquisa, Emilio Nakamura, assegura que a intenção é 'acelerar a formação de novos profissionais não apenas na Academia, mas também na inovação aberta'.



  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G