Clicky

Convergência Digital - Home

Accenture compra a empresa brasileira Organize Cloud Labs

Convergência Digital
Convergência Digital* - 10/08/2020

A Accenture também foi às compras em computação em nuvem e anunciou nesta segunda-feira, 10/08, a aquisição da Organize Cloud Labs, primeira empresa parceira na categoria Elite da ServiceNow na América Latina. A operação fortalece a ampla gama de ofertas de tecnologia da Accenture, além do profundo conhecimento em estratégia, migração, implementação e gerenciamento de cloud .

Juntas, a Accenture e a Organize Cloud Labs oferecem aos clientes acesso à mais ampla experiência no mercado local para promover inovação e transformação dos processos e das infraestruturas existentes. Com isso, as empresas encontram respostas às necessidades do usuário final no processo de sua transformação digital. A Organize Cloud Labs reúne um dos maiores números de certificações na plataforma ServiceNow na região. Esses profissionais se unem agora à prática global ServiceNow da Accenture.

"Esta aquisição aumenta nossa liderança na América Latina e fortalece a Accenture como líder global do ecossistema de ServiceNow", comenta Leonardo Framil, presidente da Accenture para o Brasil e América Latina. "A combinação da experiência global da Accenture com ServiceNow e as habilidades locais trazidas pela Organize Cloud Labs garantem aos clientes locais suporte para a resiliência dos negócios", disse Paulo Ossamu, líder da Accenture Technology na América Latina.

A plataforma ServiceNow permite às organizações gerenciar fluxos de trabalho digitais para o crescimento dos negócios com processos dinâmicos e simplicados, permitindo que acelerem a transformação digital e fortaleçam a experiência de funcionários e dos clientes.

Com a aquisição, a Accenture aumenta seu portfólio regional de serviços de consultoria em User Experience e de soluções ServiceNow, como provas de conceito, design e planejamento de implementação e assistência, compondo uma oferta de serviços personalizada e completa. A aquisição também permite à Accenture expandir seu programa de treinamento e workshops personalizados para profissionais e clientes das plataformas ServiceNow.

"Seja pelo ponto de vista pessoal, seja profissional, tem sido uma jornada incrível e satisfatória ajudar a desenvolver a vida de tantas pessoas", comenta Leandro Torres, fundador da Organize Cloud Labs, que se torna líder da prática de ServiceNow da Accenture Technology na América Latina. "Temos orgulho de um time que cresceu e consolidou o conhecimento sobre a plataforma ServiceNow no mercado brasileiro. Com essa tecnologia aplicada, empresas de todos os segmentos e portes ampliaram a competitividade e a capacidade de encantar seus clientes e colaboradores. Agora, como Accenture, portfólio e presença geográfica se expandem absurdamente, trazendo capacidade de realização pessoal e profissional ainda maior".

Desde sua fundação em 2014, a Organize Cloud Labs já atuou em mais de 50 projetos implementados com índice de satisfação dos clientes de 9.6 de 10, pelo sistema de avaliação da ServiceNow. "A aquisição impulsiona, rápida e fortemente, a parceria da Accenture com a ServiceNow, o que significa levar a inovação para mais clientes, acelerando a adoção de jornadas digitais de excelência para o Brasil e América Latina", diz Kátia Ortiz, presidente da ServiceNow no Brasil.


Ministério da Justiça escolheu nuvem da Oracle para atender ao consumidor

"A nuvem nos abre um novo catálogo de possibilidades para serviços", afirma o coordenador geral de infraestrutura e serviços do Ministério da Justiça, Leonardo Greco. Serviço consumidor.gov.br migrou para a Oracle no final de maio.

Icatu Seguros: mudar atendimento ao cliente para a nuvem foi decisão irreversível

Seguradora contratou a CXone, da NICE, para migrar, em tempo recorde, os seus funcionários para o trabalho remoto. "Tínhamos de não perder a qualidade e a eficiência e adaptar o serviço ao dia a dia das casas dos colaboradores", conta o diretor de Marketing e canais, Rafael Caetano.

Destaques
Destaques

Justiça do DF diz que dados em nuvem não têm proteção contra quebra de sigilo

Para o relator do caso, "dados armazenados em nuvem não evidenciam uma comunicação de dados" e, por isso, não estariam protegidos pela legislação. 

São Paulo concentra mais da metade das startups de Inteligência Artificial

Estudo da KPMG mostra que existem, hoje, 702 startups em atuação no segmento no País. Levantamento ainda que, desde 2012 setor atraiu US$ 839 milhões em 274 rodadas de investimento; em 2020 foram captados US$ 365 milhões.



Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Veja mais artigos
Veja mais artigos

IA, nuvem e IoT exigem data centers mais eficientes

Por Ed Solis*

Adoção crescente de tecnologias como inteligência artificial, internet das coisas e PoE estão na lista para melhorar o desempenho das redes e a eficiência do gerenciamento.

A Covid-19 e o governo digital

Por Marcos Boaglio*

A digitalização impõe adotar uma cultura de inovação na qual se fomente a experimentação, derrubar barreiras a partir de novos veículos de aquisição e implementar uma classificação de dados moderna, assim como desenvolver capacidades para empoderar os trabalhadores para finalmente aproveitarem as novas tecnologias.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site