Home - Convergência Digital

Para Ericsson, 5G vai fazer acontecer, de verdade, a indústria 4.0

Convergência Digital - Carreira
Ana Paula Lobo - 11/03/2019

Se o leilão da frequência 5G acontecer, de fato, em março de 2020, como prometeu a Anatel, as operadoras que tenham equipamento da Ericsson estarão prontas para ofertar o serviço o quanto antes, afirma o presidente da Ericsson América do Sul, Eduardo Ricotta.

"Desde março de 2017, os equipamentos usados são 5G ready. Isso significa que o 5G vai exigir uma atualização de software. Se acontecer o leilão em março, até o final do nao, haverá serviços comerciais disponíveis", sinalizou o executivo, em entrevista ao Convergência Digital, durante o Mobile World Congress, realizado de 25 a 28 de fevereiro, em Barcelona.

Ricotta diz que uma operadora com 50 Mhz a 80 Mhz de espectro estará apta a fornecer o 5G, pelo menos, em uma primeira etapa. Além de levar conexão para áreas não atendidas, o 5G também vai viabilizar a melhoria da capacidade nos grandes centros.

Mas para Ricotta, o grande diferencial do 5G está em fazer, de fato, acontecer a indústria 4.0, associada à Internet das Coisas. "A digitalização será uma realidade em muito pouco tempo. Tudo vai mudar", salienta o executivo. Assistam a entrevista com o presidente da Ericsson América do Sul, Eduardo Ricotta.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

19/02/2020
Defesa Cibernética: 5G do Brasil deve resistir a riscos de qualquer empresa ou nação

13/02/2020
Agricultura: Mais de 5 mil torres poderiam ser usadas para levar banda larga à área rural

12/02/2020
Autor da nova Lei das teles lidera entidade para brigar por banda larga

12/02/2020
Coronavírus faz GSMA cancelar a edição do Mobile World Congress 2020

11/02/2020
Facebook, AT&T, Sprint e Intel estão fora do MWC 2020

10/02/2020
NTT DoCoMo é a primeira grande operadora a desistir do MWC 2020

07/01/2020
O carro será uma Internet das Coisas

13/12/2019
Serpro faz a plataforma para consentimento ao uso de dados no Governo

12/12/2019
Governo estuda como transferir dados para Serpro e Dataprev pós-privatização

10/12/2019
Internet dos sentidos: uma nova etapa da economia digital

Destaques
Destaques

Governo do Brasil ainda avalia restringir Huawei na implantação do 5G

MCTIC estuda a publicação de um novo Decreto, ou em forma de Portaria, com normas para cibersegurança específicas para o setor de telecomunicações. A estratégia Nacional de Segurança Cibernética, recém-lançada pelo Governo, tratou - de forma genérica- o tema 5G.

5G exigirá uso de requisitos mínimos de Segurança Cibernética

Tecnologia é apontada como 'uma revolução na comunicação de dados, no potencial de emprego de equipamentos de Internet das Coisas e na prestação de novos e disruptivos serviços".

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Carro autônomo: decisões baseadas em dados vão evitar acidentes?

Por Rogério Borili *

O grande debate é que a inteligência dos robôs precisa ser programada e, embora tecnologias como o machine learning permitam o aprendizado, é preciso que um fato ocorra para que a máquina armazene aquela informação daquela maneira, ou seja, primeiro se paga o preço e depois gerencia os danos.


Copyright © 2005-2019 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site