Home - Convergência Digital

Cientista de dados derrubam os muros da computação

Convergência Digital - Carreira
Ana Paula Lobo e Pedro Costa - 28/09/2018

O profissional de ciência de dados está sendo muito demandado, mas exige um perfil pouco usual ainda no mercado, diz o professor do departamento de Informática da PUC/Rio de Janeiro, Hélio Lopes. Segundo ele, cabe ao cientista de dados destruir os muros da computação para ir à área humanas e sociais.

"O cientista de dados é um generalista, mas com conhecimento em várias áreas relacionadas a dados como estatística, banco de dados, e outras", observa. Em entrevista à CDTV, do portal Convergência Digital, durante o Rio Info 2018, realizado nos dias 24 e 25 de setembro, o professor adverte: mais do que conhecer Tecnologia, o Cientista de Dados precisa saber gerenciar pessoas. Assistam a entrevista.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

14/08/2019
Sem Medida Provisória, deputados articulam projeto sobre Lei de Informática

15/07/2019
SAP Brasil: Nuvem descomplica ERP para a transformação digital

12/07/2019
Imposto zero para IoT está na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara

12/07/2019
Profissional do futuro é atento e despreza a zona de conforto

09/07/2019
#RioéTech abre programação do Rio Info 2019

05/07/2019
BRF faz transformação digital e consumidor ganha voz de decisão

05/07/2019
DBServer: competitividade exige uma nova maneira de fazer software

04/07/2019
Guardião Cibernético testa reação a ataques contra redes de telecom

04/07/2019
Anatel usa simulação de ataque para incrementar regras de cibersegurança

26/06/2019
TIM faz piloto de 5G em 'rede viva' em Florianópolis

Veja mais artigos
Veja mais artigos

A urgência de cultivar talentos para TIC no Brasil e no mundo

Por Breno Santos*

A transformação digital ainda é um desafio para muitas empresas no Brasil e a aplicação estratégica das novas soluções deve acontecer por meio de equipamentos e mão de obra qualificada.

Destaques
Destaques

TICs vão demandar 700 mil novos profissionais na Indústria em cinco anos

Dados são do Mapa do Trabalho Industrial, feito pelo SENAI, que indicam ainda a urgência na qualificação de 10,5 milhões de trabalhadores em ocupações industriais por conta da indústria 4.0. Um dos especialistas em alta é o condutor de processos robotizados, com um incremento de 22% no número de vagas.

Técnicos são os que mais procuram especialização em Big Data

Cursos voltados para desenvolvimento Full Stack e Segurança Cibernética também são bastante demandados. No caso do big data, dos alunos formados nesta área, 45% possuem mais de 10 anos de experiência (sênior); 36% até nove anos (pleno) e 19% até três anos (recém-formados).

Agile reescreve a carreira do desenvolvedor de software

Ao mudar a entrega dos serviços – quebrando a prática dos longos projetos –, a metodologia também exige novos profissionais.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Copyright © 2005-2015 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site