Home - Convergência Digital

Inserir mulheres em TI é superar sucessivos 'nãos'

Convergência Digital - Carreira
Ana Paula Lobo e Pedro Costa - 01/10/2018

Ao participar do Rio Info 2018, a professora Tanara Lauschner, da Universidade do Amazonas, e coordenadora do grupo Cunhantã Digital, que tem como principal objetivo levar meninas para a área de TI, deixou claro que há muitas barreiras para serem removidas. "Há toda uma questão cultural. Os pais não incentivam as meninas a irem para a computação. Muitas acabam achando que matemática não é coisa de menina", lamenta.

Em entrevista à CDTV, do portal Convergência Digital, Tanara Lauschner, diz que as novas tecnologias estão sendo desenvolvidas sem mulheres nos times e, o resultado fica prejudicado. "Sabemos que times mistos funcionam melhor. A mulher precisa ir para a TI", adverte a professora. Assistam a entrevista com a professora Tanara Lauschner.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

12/02/2020
Autor da nova Lei das teles lidera entidade para brigar por banda larga

14/11/2019
Aloo Telecom: Brasil precisa de um cadastro único de redes de fibra ótica

13/11/2019
Falta um orquestrador para resolver o conflito do uso dos postes

07/11/2019
Ser humano faz a Aura,da Vivo, ser uma IA diferente

04/11/2019
Ericsson: "Temos que colocar nossas melhores cabeças para ganhar o mundo com o 5G"

04/11/2019
Huawei: nação digital é o último estágio da transformação digital

30/10/2019
Embratel: satélites de baixa órbita miram novas aplicações de IoT e M2M

30/10/2019
Startup pernambucana, em parceria com a NEC, usa IoT para salvar vidas

16/10/2019
Falta estratégia no Brasil para qualificar pessoas em Tecnologia

08/10/2019
Cobol, C e Assembler: Linguagens de programação mais vivas do que nunca

Veja mais artigos
Veja mais artigos

A urgência de cultivar talentos para TIC no Brasil e no mundo

Por Breno Santos*

A transformação digital ainda é um desafio para muitas empresas no Brasil e a aplicação estratégica das novas soluções deve acontecer por meio de equipamentos e mão de obra qualificada.

Destaques
Destaques

Faltam profissionais para cuidar dos ataques cibernéticos no Brasil

Ao publicar a Estratégia Nacional de Segurança da Informação, a e-ciber, o governo admite que o País possui poucos profissionais especializados em segurança cibernética; que há uma baixa conscientização dos usuários com relação ao tema e que é preciso urgente criar um programa nacional destinado à formação técnica nos órgãos do governo e nas empresas privadas.

TI e Internet lideram 13 dos 15 cargos profissionais em alta no Brasil

Levantamento feito pelo Linkedin mostra que gestor de redes sociais, engenheiro de cibersegurança, cientistas de dados e desenvolvedores seguem tendo alta demanda no mercado.

Déficit de mão de obra na América Latina será de 570 mil profissionais em 2020

Empresas da região vão investir nas tecnologias da terceira plataforma - cloud, analytics, Inteligência Artificial - e vão requisitar cada vez mais especialistas em programação e desenvolvimento, projeta estudo da IDC América Latina.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Copyright © 2005-2015 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site