Home - Convergência Digital

Falta profissional para pegar no 'pesado' do 5G

Convergência Digital - Carreira
Ana Paula Lobo* - 08/01/2020

Vai faltar profissional qualificado para trabalhar com o 5G. A advertência foi feita pelo chairman da FCC, a agência reguladora de comunicações dos Estados Unidos, Ajit Pai, durante sua participação na CES, evento que acontece esta semana, em Las Vegas. A falta de fomento ao compartilhamento de espectro é outro ponto que pode vir a atrasar a operação comercial do 5G.

"São muitas faixas usadas pelas operadoras e que vão servir ao 5G, como a banda C, usadas pelas empresas de satélites, e outras faixas de espectro que também serão muito disputadas. Há a necessidade de se ter uma legislasção legal nacional para fomentar o compartilhamento, mas há muitas legislações estaduais que colocam o negócio em risco", pontuou Pai.

Sobre a mão de obra, o chairman da FCC salientou que, hoje, já é complexo encontrar profissionais capacitados para o trabalho de manutenção e instalação de redes e eles serão ainda mais necessários com o 5G. A maior parte dos jovens prefere trabalhar com tecnologia em outras áreas, mais atraentes do ponto de vista profissional e financeiro.

"Temos de atrair os jovens para a construção e manutenção de redes. Essa é uma etapa essencial do 5G", reforçou Ajit Pai. Os EUA trabalham com um cronograma que prevê a liberação de várias faixas para o 5G, entre elas, 2,5GHz, 4,9GHz e nas ondas milimétricas.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

27/05/2020
Coronavírus atrasa entrega de telefones 5G e impacta venda global de celulares

22/05/2020
Anatel: Parabólicas comprometem porta de entrada do 5G no Brasil

21/05/2020
Anatel confirma que filtros não resolvem interferência do 5G nas parabólicas

14/05/2020
Ericsson: Compartilhamento de espectro permite 5G às teles antes do leilão

12/05/2020
Pioneira no 5G, Coreia do Sul projeta redes standalone até o fim de 2020

11/05/2020
Ericsson: Covid-19 aumentou a demanda por 5G

08/05/2020
Anatel já sinaliza que Covid-19 vai adiar leilão do 5G para 2021

08/05/2020
Interferência nas parabólicas pode reduzir espectro para 5G

06/05/2020
Leilão 5G: TIM e Claro defendem adiamento. Vivo adverte para momento incerto

30/04/2020
Qualcomm: Covid-19 não impede o leilão do 5G ainda em 2020

Destaques
Destaques

Leilão 5G: TIM e Claro defendem adiamento. Vivo adverte para momento incerto

TIM e Claro se posicionam claramente contra a realização do leilão ainda em 2020. A Vivo se mostra mais cautelosa, mas admite que está tudo muito nebuloso por conta da economia e da pandemia de Covid-19. Todas asseguram que o momento ainda é de muito investimento no 4G e no 4,5G.

Operadoras pedem que edital do 5G traga compromissos na nova tecnologia

Mas Anatel lembra que reduzir preço das frequências para exigir investimentos que o mercado já faria naturalmente não faz sentido na licitação. 

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Para além da guerra da saúde pública, não adiem o leilão do 5G

Por Juarez Quadros do Nascimento*

O setor de telecomunicações tem suportado a sobrecarga derivada da pandemia de Covid-19. Mas, reforcem essas redes com tecnologia mais avançada para prover serviços de baixa latência. Dessa forma, não se postergue o leilão das redes ditas de quinta geração (5G) e atenção à segurança cibernética.


Copyright © 2005-2019 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site