Clicky

Home - Convergência Digital

No 5G, Oi desponta como 'azarão' na faixa de 26GHz

Ana Paula Lobo - 13/04/2021

A Oi não vai disputar o 5G para a oferta ao consumidor final, até porque a tele vendeu sua operação móvel à TIM, Vivo e Claro. Mas pode vir a ser um 'azarão' no leilão da faixa de 26 GHz, com espectro mmWave. A afirmação foi feita pelo CEO da Oi, Rodrigo Abreu, ao participar de teleconferência, nesta terça-feira, 13/04, para explicar a operação de venda da InfraCo, a unidade de fibra ótica para o fundo do BTG Pactual, por R$ 12,9 bilhões.

"Não vamos atender ao cliente final com o 5G, mas temos interesse em ter espectro para fazer banda larga fixa wireless", adiantou Abreu. Ele também falou sobre a InfraCo dizendo que a empresa poderia também participar para ampliar o backhaul. "Não faz sentido pensar o 5G como alternativa para chegar ao cliente final. Mas faz, sim, como ter uma opção a mais de espectro para banda larga fixa sem fio", pontuou o CEO da Oi.

Abreu, no entanto, foi cauteloso para cravar ou não a presença da Oi no certame. Disse que a operadora vai aguardar a publicação dos preços e do edital final do leilão - ainda em análise no Tribunal de Contas da União.

O leilão de 26Ghz programado pela Anatel prevê a venda de 1GHz, sendo leiloados 5 blocos nacionais e 3 blocos regionais de 400 Mhz, aqui com a agência reguladora atenta a possível participação dos provedores de Internet. Caso não apareçam interessados, a Anatel fará uma nova rodada com 10 blocos nacionais e 6 regionais, agora, com 200 Mhz.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

23/06/2021
Oi cria plataforma em nuvem para mitigar riscos de fraude

23/06/2021
Justiça da Suécia nega recurso da Huawei para entrar no 5G

22/06/2021
À espera da venda para TIM, Claro e Vivo, Oi Móvel emite R$ 2 bilhões em debêntures

21/06/2021
Empresas de Internet se unem para disputar leilão 5G

18/06/2021
Sem móvel, Oi quer ser provedor de Open RAN na infraestrutura

16/06/2021
É hora de cumprir a promessa do 5G

15/06/2021
Ministro das Comunicações ataca teles por causa do 5G DSS

15/06/2021
Itaú Unibanco e Vivo Empresas testam agência bancária com 5G

14/06/2021
5G e Inteligência Artificial são estratégicos para suportar investimentos no Brasil

14/06/2021
Anatel abre consulta sobre convivência entre 5G e satélites

Destaques
Destaques

Open RAN é para 5G senão vai ter muita confusão entre fornecedores

Há uma determinação que Open RAN é release 16, então o Open RAN não será para o 4G, sustenta o head de tecnologia da Nokia para América Latina, Wilson Cardoso. "Um bite errado, simplesmente não vai funcionar", adverte.

IBM: Com 5G e Edge, redes das teles serão plataformas definidas por software

Só assim as operadoras de telecomunicações vão ser capazes de suportar as novas aplicações e terão como monetizar volumes crescentes de dados habilitados para o 5G e edge aponta estudo global da IBM, conta a líder de serviços de consultoria para a indústria de mídia e Telecomunicações da IBM América Latina, Marisol Penante.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Serviços de Valor Agregado são a aposta das teles para lucrar com 5G

Por Luiz Pereira*

Em tempos nos quais o serviço de conexão já virou commodity, companhias do setor precisam diversificar ofertas para aproveitarem nova tecnologia.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site