TELECOM

Joint venture entre Hughes e Yahsat é aprovada pela Anatel

Luís Osvaldo Grossmann ... 29/11/2019 ... Convergência Digital

A Anatel aprovou a operação conjunta proposta pela Hughes e Yahsat, para oferta de serviços de banda larga via satélite no Brasil, com ofertas para os mercados de atacado e varejo, residencial, corporativo e governamental. A aprovação foi publicada no Diário Oficial da União desta sexta, 29/11. 

Segundo resume a Anatel, as empresas registraram a intenção de criar uma Joint venture entre os seus respectivos grupos econômicos para prestar o Serviço de Comunicação Multimídia no Brasil. “Sustentam que a união das experiências que cada um possui nos respectivos segmentos que atuam proporcionará a oferta de serviços mais qualificados e competitivos, com potencial para estimular a eficiência e introduzir novos desafios ao mercado”.

Conforma a análise, a atuação da Hughes está focada na prestação do SCM para usuários residenciais, pequenas empresas, clientes corporativos e governamentais, utilizando-se de diversas frequências satelitais alugadas de terceiros (bandas Ka, Ku, C e L) e, por sua vez, mais limitada no mercado de atacado para provedores de serviços de telecomunicações. Já a Yahsat atua no mercado de varejo do SCM, ainda de forma incipiente, tendo iniciado atividades no Brasil em novembro de 2018, e no mercado de atacado para provedores de serviços de telecomunicações.

A implementação consiste nas operações de transferência do controle societário indireto da HTB e da Yahsat e de transferência da outorga de serviço de telecomunicações e do direito de exploração de satélite brasileiro detidos pelas empresas envolvidas na operação e ambas são objeto do presente pedido de anuência prévia. 

O veículo da operação é a HNSPE, controlada pela HNS e controladora direta da 

HNSA e indireta da HTB. Com a associação, inicialmente haverá o aumento do capital social da HNSPE em razão da emissão de novas ações em favor da Starsat, da Yahsat, garantindo-lhe uma participação de 20% no capital social votante da HNSPE e o seu ingresso no Grupo HTB. 

Como resultado, será transferido o controle direto da HNSPE, que passará a ser exercido pela HNS, com 80% do capital social votante e pela Starsat com 20% do capital social votante e, por consequência, o controle direto da HNSA e o controle indireto da HTB. 


Revista do 63º Painel Telebrasil 2019
Veja a revista do 63º Painel Telebrasil 2019 Transformação digital para o novo Brasil. Atualizar o marco regulatório das telecomunicações é urgente para construir um País moderno, próspero e competitivo.
Clique aqui para ver outras edições

Claro defende troca de streaming por TV e aumenta prazo para inadimplentes

Em carta enviada à Anatel, operadora também promete parcelar dívidas e não cortar o serviço até 10 dias após o vencimento da faturas. Pequenas empresas em dificuldade poderão renegociar caso a caso. 

Oi terá 25 fazendas de energia renovável ainda em 2020

Tele ativou a primeira fazenda de energia solar em Francisco Sá (MG), com capacidade de gerar 350 mil kW/h por mês.

Telefônica/Vivo cede dados de assinantes ao Governo de São Paulo

Dados anônimos servem para identificar se as regras de isolamento social por conta do Coronavírus estão sendo cumpridas.

Indústria de Telecom pede ação urgente das prefeituras por mais antenas

Existem mais de 4 mil pedidos de instalação de antenas aguardando liberação de licenças dos municípios e a demanda por serviços de telecom só fez aumentar com a pandemia do Coronavírus. Dez entidades do setor se uniram para redigir um documento encaminhado para prefeitos do País.




  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G