Home - Convergência Digital

Estação Hack do Facebook abre 19 mil vagas gratuitas para curso de empregabilidade e inovação

Da redação - 14/09/2020

A tecnologia poderá transformar quase 30 milhões de vagas com carteira assinada até 2026, alterando completamente o mercado de trabalho, que se consolidará a partir de oportunidades que ainda nem existem. A Estação Hack, centro de apoio à inovação do Facebook, visando auxiliar jovens da rede pública a se posicionarem neste novo cenário, realizará o programa online e gratuito "O Futuro do Trabalho", em parceria com a JA Brasil, uma das maiores organizações do mundo voltada para o empreendedorismo juvenil.

Destinado a jovens entre 15 e 24 anos, privilegiando aqueles que estudam ou que já se formaram em escolas da rede pública de qualquer estado do país, o curso terá início no dia 23 de setembro, com potencial de beneficiar aproximadamente 19 mil jovens até o fim do ano. O programa busca incentivar os estudantes a refletir sobre habilidades socioemocionais e preferências ao escolher uma carreira. Nele, os alunos também vão aprender sobre as profissões que estarão em alta no futuro, principalmente nas áreas de ciência, tecnologia, engenharia e matemática.

Para participar, os interessados devem acessar o link jabrasilonline.org.br até o dia 16 de setembro e preencher o formulário de pré-inscrição. Depois disso, basta aguardar o processo de seleção dos candidatos.

"De um lado, o mercado de tecnologia carece de mão de obra qualificada no Brasil, e de outro, muitos jovens enfrentam dificuldade de inserção no mercado de trabalho. Olhando para esse cenário, a Estação Hack do Facebook oferece apoio para formar novos talentos com habilidades que serão cada vez mais exigidas no futuro, como as que já podemos observar na adaptação de muitos profissionais ao trabalho remoto", explica o diretor da Estação Hack, Eduardo Lopes

"Estamos no início de um movimento irreversível, uma revolução no mercado de trabalho a partir do avanço da tecnologia. Isso vai afetar milhões de pessoas nos próximos anos. Já trabalhávamos com essa perspectiva antes da crise que vivenciamos, que acelerou ainda mais essas transformações", comenta Bety Tichauer, diretora superintendente da JA Brasil. "Acreditamos que a capacitação por meio da educação é uma ferramenta poderosa e eficaz para que os jovens enfrentem este difícil momento", completa.

Com carga horária total de 5 horas, o curso é dividido em cinco módulos, que vão desde uma contextualização sobre a 4ª Revolução Industrial às prioridades de um mercado de trabalho em constante transformação. O programa é autoinstrucional e seu conteúdo será apresentado por textos, vídeos e animações.

Os participantes poderão completar as atividades em até duas semanas, em um ambiente virtual que possibilita ainda a interação com outros participantes. A equipe JA Brasil estará disponível ainda para auxiliar os participantes em caso de dúvidas. Ao final do programa os estudantes receberão um certificado online, expedido com a assinatura dos organizadores.

Além de ser um dos programas que integram a grade oferecida pela Estação Hack do Facebook, o curso "Futuro do Trabalho" faz parte de uma iniciativa mais ampla da JA Brasil, que reúne uma série de cursos gratuitos e 100% online, destinados aos jovens da rede pública. Este ambiente digital pode ser acessado pelo link: http://jabrasilonline.org.br/


Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

19/01/2021
IGTI abre inscrições para evento gratuito de desenvolvimento de software e bolsas para Bootcamps

18/01/2021
Multinacional de TIC oferece 5 mil bolsas de estudos em cursos de programação

15/01/2021
TIVIT vai formar 20 desenvolvedores em programa de Jovem Aprendiz

18/12/2020
XP vai abrir 176 vagas para engenheiros de software

14/12/2020
Grupo irlandês lança escola de tecnologia e oferece 100 bolsas no Brasil

07/12/2020
Apple e Centro Universitário Senac capacitam alunos no desenvolvimento de aplicativos

01/12/2020
Digital House oferece 400 bolsas de estudos

26/11/2020
Academia de talentos abre vagas para negros, mulheres, LGBTI+ e pessoas com deficiência

25/11/2020
Média salarial de profissional de TI no Brasil ficou em R$ 4.849,00

16/11/2020
Escola do Trabalhador 4.0 sai do papel em março de 2021

Veja mais artigos
Veja mais artigos

A confiança é ganha com mil atos e perdida com apenas um

Por Luis Banhara*

À medida que o conceito de trabalho se descola dos escritórios, mesmo que parcialmente, surgem novos desafios de segurança. A superfície de ataque foi ampliada.

Destaques
Destaques

Na liderança, curiosidade insana e coragem impactam mais que a competência

Vice-presidente para setor público na AWS, Teresa Carlson, e Indra Nooyi, membro do board da Amazon e ex-CEO e chairman da PepsiCo, admitiram que a Covid-19 tem provocado crises existenciais em muitas pessoas e que, há, sim, um forte e um injusto desequilíbrio para as mulheres.

Média salarial de profissional de TI no Brasil ficou em R$ 4.849,00

Pesquisa nacional, realizada pela Assespro-Paraná e pela UFPR, mostra a desigualdade econômica do país. No Nordeste, em Sergipe, a média salarial é de apenas R$ 1.943.00. Em São Paulo, essa média sobe para R$ 6.061,00. Outro ponto preocupante: a diferença salarial entre homens e mulheres segue acima de dois dígitos.

Certificação é critério de seleção para encarregado de dados

Ainda que a LGPD não exija qualificação específica, o mercado busca profissionais com conhecimento na área. Formação pode custar até R$ 6 mil, observou Mariana Blanes, advogada e sócia do Martinelli Advogados, ao participar do CD em Pauta.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Copyright © 2005-2015 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site