Clicky

Home - Convergência Digital

TIM alcança 1,8 Gbps no 5G stand alone no Brasil

Convergência Digital - 20/04/2021

A TIM quebrou a velocidade de 1,8Gbps durante testes com equipamentos de rede comercial para operação do 5G stand alone (ou 5G puro). O resultado obtido pela operadora é um aperitivo do que virá no futuro, quando a quinta geração da tecnologia de rede móvel estiver à disposição no país. O resultado já aponta todo o potencial do 5G, que ainda depende da realização do leilão de frequências pela Anatel.

Além de altas velocidades, um importante atrativo do 5G é a baixíssima latência, ou seja, o tempo de resposta que permite, por exemplo, a realização de ações praticamente em tempo real.  A operadora utilizou 100MHz de banda em Release 16 com a rede da Huawei.

Para Leonardo Capdeville, CTIO da TIM Brasil, o 5G promete permitir a comunicação massiva muito mais rápida entre dispositivos eletrônicos, impulsionando a Indústria 4.0 e novos negócios com a Internet das Coisas, e revolucionar setores como saúde, educação, agronegócio, logística e segurança: "Estamos muito felizes em alcançar essa marca histórica nos nossos laboratórios já com o teste do 5G no padrão stand alone, que é fundamental para o desenvolvimento da tecnologia no Brasil e a competição no mercado".

A TIM possui uma série de projetos-piloto com a tecnologia em parceria com hubs de empreendedorismo e instituições de ensino. A operadora também expandiu sua rede 5G DSS pelo país para oferecer uma nova experiência aos seus clientes, que evoluirá com a chegada da rede de quinta geração. O DSS (dynamic spectrum sharing, ou compartilhamento dinâmico de espectro) é uma funcionalidade que utiliza as frequências atuais da rede 4G.

 

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

11/05/2021
TIM e Nokia lançam projeto piloto de 5G Standalone no agronegócio

11/05/2021
Telefonica se alia à Microsoft por 5G privado

10/05/2021
TecBan, Claro e Ericsson levam 5G para caixas eletrônicos

06/05/2021
Para Minicom, 90% das antenas do 5G são isentas de licença

05/05/2021
TIM: 5G ‘puro’ é mais barato e rivais reclamam porque não fizeram VoLTE no 4G

05/05/2021
Huawei:5G exige empresas locais para aplicações e geração de talentos

05/05/2021
Um poço sem fundos no leilão 5G

05/05/2021
Índia libera testes de 5G no país só com fornecedores de fora da China

04/05/2021
Minicom pressiona TCU por edital e leilão do 5G em julho

04/05/2021
GE testa rede de ondas milimétricas da Verizon para novos serviços no 5G

Destaques
Destaques

América Latina se divide sobre uso de ondas milimétricas

Debate com representantes do México, Colômbia, Costa Rica, El Salvador, Argentina e Brasil mostrou que bandas altas no 5G, como 26 GHz, está longe de unanimidade na região.  Colômbia, que prevê leilão 5G no final do ano, não planeja vender a faixa de 26GHz.

Brasil está fora dos países liberados pela Espanha para o Mobile World Congress

Programado para acontecer de 28 de junho a 01 de julho, o organizador, GSMA, fechou um acerto com as autoridades espanholas para isentar os participantes das restrições impostas às pessoas de fora da União Europeia.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Futuro com 5G não será um nirvana, tampouco um apocalipse

Por Paulo Mannheimer*

O futuro, com 5G, não será nem o Nirvana dos Jetsons nem o apocalipse de "O Exterminador do Futuro". "Blade Runner" continua sendo minha maior aposta.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site