Home - Convergência Digital

Huawei: Brasil sempre teve um mercado aberto e justo no setor de TIC

Convergência Digital* - 23/06/2020

A Huawei emitiu nesta terça-feira, 23/06, um comunicado oficial sobre a possibilidade de a companhia ficar fora do leilão 5G por conta do posicionamento do presidente Jair Bolsonaro, alinhado aos Estados Unidos e ao Governo Trump.

A fabricante lembra no informe que "o Brasil sempre teve um mercado aberto a concorrência a justo no setor de TIC, beneficiando todos na transformação digital em andamento. A Huawei espera contribuir com a economia e a sociedade brasileira nesse processo", afirmou a companhia chinesa, na nota. "Todos conhecem nossos campus, nossos laboratórios de ponta […] e sabem quem é a Huawei. Os diretores de tecnologia das operadoras de telecomunicações brasileiras sabem ainda mais".

A Huawei ressalta ainda que gera 1,2 mil empregos diretos e 15 mil indiretos a partir da atuação em dez diferentes setores da economia no Brasil e que está atuando no Brasil há 22 anos, com a privatização do setor de Telecom. O Convergência Digital disponibiliza a íntegra do comunicado:

A Huawei está no Brasil para o Brasil

Milhares de jornalistas, acadêmicos e colaboradores visitaram a sede da Huawei em Shenzhen (China) no ano passado, inclusive muitos vindo do Brasil. Todos conheceram nossos campus e nossos laboratórios de ponta, a mais moderna linha de montagem e a sala de registro acionário. Eles sabem quem é a Huawei.

Os diretores de tecnologia das operadoras de telecomunicações brasileiras sabem ainda mais: a Huawei é líder global em Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) e facilitadora da transformação digital. Como parceira confiável, que cria valor de forma inovadora, temos um histórico de 22 anos no Brasil. Estamos comprometidos em estar no Brasil para o Brasil.

A Huawei começou a atuar no Brasil há 22 anos, coincidindo com as privatizações do setor de telecomunicações no País. Desde então, trabalhamos em parceria com nossos clientes para agregar valor.

Ajudamos a trazer vida digital para o Brasil. Juntamente com nossos clientes e parceiros, contribuímos para o desenvolvimento de redes móveis e de banda larga que cobrem 95% da população brasileira. Fomos parceiros das operadoras no lançamento das primeiras redes 3G, 4G e 4.5G no País e ajudamos a construir a primeira rede de fibra ótica de alta velocidade na Floresta Amazônica, que conecta 20 cidades e beneficia quase 4 milhões de pessoas. A Huawei faz parte da vida digital.

Com as tecnologias da informação e comunicação como aceleradoras, a Huawei, líder do setor, tem permitido a transformação digital contínua de vários outros setores. Trabalhamos com mais de 10 indústrias e 500 parceiros no Brasil, implantando soluções inovadoras de TIC e serviços de nuvem pública nos setores de finanças, energia, Prestação de Serviços de Internet (ISP), agricultura, transporte e mineração, além do setor público.

No Brasil, trabalhamos em conjunto com as pessoas, impulsionando a inovação e ajudando a preparar talentos locais de TIC. Temos centros locais de produção e P&D com instituições como CPQD e Inatel, trazendo as mais recentes tecnologias e soluções para o Brasil. Nos últimos dez anos, treinamos mais de 30.000 talentos em TIC em nossos centros de treinamento e nas Academias Huawei de TIC, em cooperação com universidades e faculdades brasileiras. Com o "Seeds For The Future" e o "ICT Competition", abrimos as portas para o mundo da tecnologia para os mais jovens.

A Huawei possui uma operação local, gerando 1.200 empregos diretos e mais de 15.000 indiretos. Fomos reconhecidos com o prêmio TOP Employer em 2019.

O Brasil sempre teve um mercado aberto a concorrência a justo no setor de TIC, beneficiando todos na transformação digital em andamento e nos esforços para avançar para a Indústria 4.0, Agricultura 4.0, Saúde 4.0 e Smart City 4.0 no País. A Huawei espera contribuir com a economia e a sociedade brasileira nesse processo.

A melhor maneira de prever o futuro é criá-lo. Vamos trabalhar juntos.

Estamos no Brasil para o Brasil, como sempre.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

20/10/2020
EUA pressionam Brasil a banir Huawei em troca de financiamento para 5G

19/10/2020
NASA leva 4G e projeta 5G na Lua

15/10/2020
5G: Teles insistem em filtro nas parabólicas e rejeitam migração da TV

14/10/2020
Curso online gratuito da Huawei sobre 5G é agendado para 15 de outubro

14/10/2020
Sem antenas, Belo Horizonte pode ficar sem 5G

09/10/2020
TIM e TIP, liderado pelo Facebook, criam ambientes de testes OpenRAN na Inatel

08/10/2020
TIM: 5G do marketing chega logo, 5G de verdade, só depois do leilão

07/10/2020
Oi segrega frequência do 3G para entrar na disputa do 5G

05/10/2020
Área técnica da Anatel prevê cinco blocos de 80 MHz para leilão 5G

05/10/2020
Nos EUA, FCC vence round contra teles por faixa de 6GHz para Wi-Fi

Destaques
Destaques

Conexão no campo pode render até R$ 50 bilhões em dois anos

Estudo do Ministério da Agricultura e Pecuária (MAPA) revela que, hoje, faltam quase 15 mil antenas e torres para ofertar o serviço necessário para a digitalização do agronegócio. Os números foram revelados no Painel Telebrasil 2020.

Vitor Menezes, Minicom: Vamos brigar por um leilão 5G não arrecadatório

O Ministério das Comunicações sinalizou às operadoras que trabalha para convencer os colegas de Esplanada a concentrar os valores envolvidos no leilão do 5G em compromissos de cobertura, minimizando o preço a ser pago ao Estado, afirmou o secretário de Telecomunicações, Vitor Menezes, ao participar do Painel Telebrasil 2020.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Internet 5G traz disrupção para Telecomunicações até no modelo de negócio

Por Eduardo Grizendi*

Na RNP, estabelecemos um objetivo estratégico ambicioso – o de prover uma ciberinfraestrutura, segura, de alto desempenho e disponibilidade e, ao mesmo tempo, ubíqua, onipresente, em qualquer lugar e a qualquer hora, para nossas comunidades de educação, pesquisa e inovação.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site