Home - Convergência Digital

Oi terá 5G e dará WiFi gratuito para clientes e não-clientes no Rock in Rio

Convergência Digital* - 26/09/2019

A Cidade do Rock abre hoje suas portas para a 20ª vigésima edição do Rock in Rio, tornando-se a primeira cidade 5G do país, graças a uma rede implantada pela Oi, na faixa de 3,5GHz, em parceria com a Huawei, para testes e experiências de uso da nova tecnologia. Será também a primeira vez que todo o público do Rock in Rio estará conectado por uma rede de WiFi gratuita, disponível para clientes de qualquer operadora.

Quinta geração da conexão móvel, ainda não disponível no Brasil, o 5G será usado pela equipe de conteúdo do evento para a cobertura em suas redes sociais, com lives diárias e posts na sessão “Por trás das Câmeras”. As postagens vão mostrar os bastidores do que acontece durante as 14 horas diárias de festa no maior festival de música e entretenimento do mundo, com mais de 250 atrações espalhadas por nove palcos.

“Sugerimos ao Rock in Rio a implantação da rede 5G para transformar o evento na primeira cidade conectada pela nova tecnologia. Teremos ali um aprendizado, com os insumos que já obtivemos nos testes com 5G realizados em Búzios (março), Rio2C (abril) e na Game XP (julho). Vamos mostrar o que é a experiência 5G e teremos vários aparelhos conectados por essa rede que opera com alta velocidade e baixíssima latência. Para isso, contamos com a robustez da nossa estrutura de rede, que tem grande capilaridade e disponibilidade. Esse é o nosso diferencial”, diz José Claúdio Moreira Gonçalves, diretor de Operações da Oi.

A Oi vai fazer diversas ativações utilizando a tecnologia 5G no evento. No estande da Oi na Gameplay Arena by Game XP o visitante será convidado a fazer um passeio virtual pela orla do Aterro do Flamengo numa bicicleta conectada via rede 5G da Oi e montada em frente a um videowall. Quanto mais rápido a pessoa pedala, mais rápido o vídeo passa, num ambiente de total sincronia proporcionada pela tecnologia. A Oi foi a primeira operadora brasileira a fazer testes com a quinta geração de telefonia móvel em demonstrações abertas ao público no Brasil. A tecnologia foi apresentada pela Oi este ano na Game XP, na Rio2C e em ação na cidade de Búzios.

Megaoperação

Já a cobertura do Oi Wifi se estenderá por 345 mil m² do evento – quase a totalidade do parque –, incluindo o Palco Mundo, com 550 hotspots. Para manter a alta conectividade do local e a disponibilidade de todos os serviços (Internet, Oi WiFi e celular), foram instaladas também sete antenas para reforço da cobertura móvel 3G e 4G.

A Oi implantou um total de 56 quilômetros de cabos de fibra ótica para o atendimento de toda a operação do evento da Cidade do Rock, garantindo a melhor experiência em conectividade às 100 mil pessoas que circularão por ali diariamente durante os sete dias do festival. O som dos palcos Mundo e Sunset será transmitido pela fibra da Oi, assegurando a amplificação dos shows para toda a Cidade do Rock com baixíssima latência, o que elimina a possibilidade de delay entre a imagem do artista no telão e o som que chega nas caixas que estiverem distantes do palco. O sistema de iluminação dos dois palcos também utilizará a fibra da Oi.

Responsável por fornecer toda a infraestrutura de internet e conectividade do Rock in Rio 2019, a Oi está fornecendo links de dados de altíssima capacidade, totalizando 30 GB para garantir a conexão do evento. Para assegurar a disponibilidade dos serviços de internet na Cidade do Rock, que está totalmente conectada pela fibra da Oi, a companhia montou o NOC (Network Operation Center), o Centro de Monitoração Integrado que vai controlar toda a operação na Cidade do Rock. Outros três centros de apoio técnico darão suporte de campo para a operação do evento. O objetivo é que a melhor conexão esteja à disposição de todos: públicos, parceiros, infraestrutura e logística.

Na frente e na área externa do NOC, telas de LED vão exibir diversas informações, como tráfego de dados online e o número de pessoas conectadas. A estrutura futurista de dois andares que funcionou na Game XP, em julho, foi reativada para o Rock in Rio no dia 26 de agosto. A cidade inteligente funciona a partir da infraestrutura de telecom e TI implantada pela Oi pelo menos um mês antes de o evento começar. Para tanto, foram mobilizados colaboradores de diversas áreas no planejamento e operação dos serviços, com o objetivo de garantir a alta disponibilidade.

Games clássicos e modernos à disposição do público na Oi Gameplay Arena by Game XP

Localizada numa das arenas do Rock in Rio, a Oi Gameplay Arena by Game XP vai reunir uma série de atrações durante todos os dias do evento. Num espaço com 4 mil metros quadrados e capacidade de até 3.300 pessoas totalmente conectado pela fibra da Oi, estarão disponíveis os mais variados tipos de games, dos clássicos aos mais modernos. A Oi preparou uma experiência imersiva de hiper-realidade em seu estande, que simula um passeio aéreo para você conhecer a Cidade do Rock através da fibra da Oi.

A ação reforça a comunicação da Oi Fibra, internet por fibra ótica da Oi até a casa do cliente (FTTH – fiber to the home), que atende às necessidades do público gamer, com alta velocidade e estabilidade de conexão. A identidade visual da Oi Fibra também estará presente em ônibus oficiais do evento que serão envelopados com a marca da companhia.

A Oi também é patrocinadora do palco Just Dance, em parceria com a Ubisoft. Conectada pela fibra da Oi, a atração foi sucesso de público na Game XP 2019 e tem mais de 500 músicas para o público dançar em frente à Gameplay Arena.

 

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

20/10/2020
Oi entra na disputa do mercado de marketplaces para consolidar marca de consumo

20/10/2020
EUA pressionam Brasil a banir Huawei em troca de financiamento para 5G

19/10/2020
NASA leva 4G e projeta 5G na Lua

16/10/2020
Projeto Oi Fibra recebe prêmio no Broadband World Forum 2020

15/10/2020
Pelo mínimo de R$ 325 milhões, Oi leiloa cinco datacenters em 26 de novembro

15/10/2020
5G: Teles insistem em filtro nas parabólicas e rejeitam migração da TV

14/10/2020
Curso online gratuito da Huawei sobre 5G é agendado para 15 de outubro

14/10/2020
Sem antenas, Belo Horizonte pode ficar sem 5G

09/10/2020
Oi quer cortar 2 mil postos de trabalho com demissão incentivada

09/10/2020
TIM e TIP, liderado pelo Facebook, criam ambientes de testes OpenRAN na Inatel

Destaques
Destaques

Conexão no campo pode render até R$ 50 bilhões em dois anos

Estudo do Ministério da Agricultura e Pecuária (MAPA) revela que, hoje, faltam quase 15 mil antenas e torres para ofertar o serviço necessário para a digitalização do agronegócio. Os números foram revelados no Painel Telebrasil 2020.

Vitor Menezes, Minicom: Vamos brigar por um leilão 5G não arrecadatório

O Ministério das Comunicações sinalizou às operadoras que trabalha para convencer os colegas de Esplanada a concentrar os valores envolvidos no leilão do 5G em compromissos de cobertura, minimizando o preço a ser pago ao Estado, afirmou o secretário de Telecomunicações, Vitor Menezes, ao participar do Painel Telebrasil 2020.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Internet 5G traz disrupção para Telecomunicações até no modelo de negócio

Por Eduardo Grizendi*

Na RNP, estabelecemos um objetivo estratégico ambicioso – o de prover uma ciberinfraestrutura, segura, de alto desempenho e disponibilidade e, ao mesmo tempo, ubíqua, onipresente, em qualquer lugar e a qualquer hora, para nossas comunidades de educação, pesquisa e inovação.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site