Clicky

Home - Convergência Digital

Serpro busca parceiros para atuar em internet das coisas

Luís Osvaldo Grossmann - 24/02/2021

O Serpro publicou nesta quarta, 24/2, três chamamentos públicos em busca de parceiros para implementação de serviços de internet das coisas, com uso da nuvem da estatal. Especificamente, o Serpro vai habilitar empresas para o provimento e o gerenciamento de dispositivos, além de soluções de comunicação em redes especialistas. 

Os chamamentos se valem da possibilidade de dispensa de licitação nos moldes previstos na Lei das Estatais (13.303/16), para “casos em que a escolha do parceiro esteja associada a suas características particulares, vinculada a oportunidades de negócio definidas e específicas, justificada a inviabilidade de procedimento competitivo”. 

Interessados em qualquer dos três chamamentos públicos – 121, 122 e 123/2021 – são convidados a apresentar propostas técnicas por email (parcerias@serpro.gov.br), por um mês contado a partir desta quarta, até 24 de março. 

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

14/06/2021
Serpro escolhe sete parceiros para negócios de RPA como serviço

09/06/2021
Multinuvem do Serpro vai concorrer com a do Ministério da Economia

26/05/2021
Serpro inclui Microsoft Azure em multicloud, por R$ 22,6 milhões

25/05/2021
Governo reduz quadro de funcionários do Serpro à espera dos temporários

24/05/2021
Serpro vai ao mercado para buscar parceiros para Internet das Coisas

19/05/2021
Serpro contrata multicloud da Huawei por R$ 23 milhões

07/05/2021
Hostfiber vence concorrência do Serpro para backbone IP

26/04/2021
Serpro amplia validade de concurso para TI

14/04/2021
Serpro busca parceiros para criar produto RPA como serviços

13/04/2021
Concurso de TI no Serpro: estatal revê requisito das vagas para desenvolvimento de sistemas

Destaques
Destaques

GSMA faz ofensiva para reverter decisões a favor do Wi-Fi na faixa de 6GHz

Associação da indústria móvel admite, porém, que os países, na sua maioria, estão decidindo por dar a faixa de 6GHz, com 1200 Mhz, para os serviços não-licenciados, mas adverte: o 5G vai precisar de 2GHz de espectro na próxima década para oferecer todo o seu potencial.

STJ: É ilegal polícia clonar celular de investigado

Para o Superior Tribunal de Justiça, além de constituir uma forma ilícita de interceptação, esse procedimento acarretaria a suspensão indevida da comunicação telefônica e telemática dos investigados.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

5G e a expansão da capacidade de inovação

Por Alex Takaoka*

Segurança da informação, interoperabilidade e infraestrutura ocuparão um papel importante na implantação da tecnologia 5G.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site