INCLUSÃO DIGITAL

Telebras e RNP unem redes

Luís Osvaldo Grossmann ... 28/06/2012 ... Convergência Digital

A Telebras e a Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP) vão interconectar suas redes, como previsto na segunda fase do acordo que busca ampliar significativamente a capacidade das conexões em todas as instituições federais de ensino superior – além de dar maior capilaridade à rede pública de fibras ópticas utilizada no Plano Nacional de Banda Larga.

O principal objetivo é garantir que uma rede de alta velocidade para as cerca de 900 instituições de ensino – campi das universidades e institutos federais, além de unidades de pesquisa. “Muitos municípios não têm backhaul suficiente para velocidades mais altas e, em vários casos, há campi com conexões de 4Mbps”, diz o diretor geral da RNP, Nelson Simões.

Daí o uso da rede da Telebras – e a substituição de pelo menos parte das contratações atuais da RNP junto a outras operadoras – para garantir que, no interior, todos os campi do interior do país contem com pelo menos 100 Mbps, e as sedes das instituições com 1 Gbps. A meta é cobrir todos até 2014. Dois projetos-piloto nesse sentido já foram implantados em Anápolis-GO e Gurupi-TO.

Na etapa atual, o objetivo é conectar 102 sites até o fim de 2012 – 44 instituições federais de ensino, 47 institutos federais, 7 unidades de pesquisa e 5 unidades da Embrapa – distribuídos em 53 localidades do país, em 21 estados. “No mínimo, vamos atender 50 instalações este ano”, promete o presidente da Telebras, Caio Bonilha.

Para a estatal, o acerto tem duplo ganho, seja porque a rede da RNP já está em alguns locais onde a Telebras quer ir, ou pela garantia de demanda em várias praças – visto que a RNP vai contratar capacidade de transporte. “Do nosso ponto de vista, cria as condições de a Telebras ir muito mais rapidamente para alguns lugares”, completa Bonilha.


Viasat alega que TCU já atestou legalidade do contrato com Telebras

Para empresa americana, agravo contra o acordo movido pela Procuradoria Geral da República é baseado em mal entendidos.

America Net: Programa WiFi Livre SP une risco e oportunidade de negócios

Operadora investirá R$ 20 milhões na iniciativa e aposta que o retorno virá com a exposição da marca junto aos assinantes, revela o vice-presidente, José Luiz Pelosini. America Net vai ter 619 pontos de acesso WiFi gratuito público na capital paulista.

Um terço das casas no Brasil usam antenas parabólicas

Segundo o IBGE, são 23 milhões de domicílios, bem espalhados pelo país. Isso revela o problema que a Anatel terá para mitigar as interferências e liberar a faixa de 3,5GHz para o 5G.

Internet chega a 3 de cada 4 domicílios no Brasil

Nas mãos de 84% dos brasileiros, o celular é o típico aparelho para uso da rede. Mas as conexões fixas já alcançam 73% dos lares do país, conforme dados da PNAD Contínua TIC 2017, do IBGE. Mas quase 30% da população ainda acha que o acesso à Internet é caro.

Viasat: TCU controla viabilidade de acordo com Telebras

Segundo a vice presidente da empresa, Lisa Scapone, a demanda existe e pode ser medida pelo Gesac, mas operação comercial no Brasil depende dos ajustes no contrato para uso do satélite nacional.

Anatel indica que banda larga móvel pode ficar com sobras da TV Digital

“Edital tinha dois objetivos: a transição do sistema de TV digital e o desenvolvimento da banda larga móvel no país”, afirma presidente da agência, Leonardo de Morais. Saldo chega a R$ 877 milhões.



  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G