INOVAÇÃO

Arquiteto corporativo: surge o gestor da Internet das Coisas?

Convergência Digital ... 20/04/2015 ... Convergência Digital

A Internet das Coisas (IoT) representa diversas tecnologias e usos que resultam tanto em oportunidades como em riscos sem precedentes para as empresas, adverte o Gartner. Segundo a consultoria, passa pela definição de uma estratégia de arquitetura - e pelos arquitetos corporativos - um novo perfil profissional para TI, a chave para a gestão de ameaças.

"Os arquitetos corporativos têm grande possibilidade de se posicionar no coração dos negócios digitais", ponderou Mike Walker, Diretor de Pesquisas do Gartner. "Essa pode ser a forma de consolidar um centro de competência empresarial que explore o modo como a Internet das Coisas cria avanços inovadores para modelos de negócios, produtos e serviços da organização por meio da experimentação rápida", acrescentou.

Se o estudo do Gartner respalda as oportunidades com a Internet das Coisas são uma realidade, há também que se trabalhar com as contrapartidas.  De acordo com a consultoria, a coleta dos dados  amplia a exposição legal, regulatória e de reputação dessas companhias.

E aqui entra mais uma missão para o arquiteto corporativo: ele não vai apenas definir cenários ou trabalhar com ideias novas, mas terá, especialmente, o dever de avaliar o impacto dessas informações que estão sendo geradas e como elas devem ser protegidas para o bem do negócio.

A Internet das Coisas e o seu impacto no dia a dia das empresas brasileiras é tema da 15ª edição da Rio Wireless, que acontece nos dias 06 e 07 de maio, no Rio de Janeiro. Os principais especialistas da área vão estar presente. Saiba como participar. Clique aqui.


Cloud Computing
Augmented Analytics: a próxima onda na análise dos dados

Solução, de acordo com o Gartner, será responsável por mais uma disrupção no mercado de dados. A consultoria indica ainda que Inteligência Artificial (IA) explicável e inteligência contínua vão mudar o mercado nos próximos cinco anos.

TICs em Foco - TRANSFORMAÇÃO DIGITAL
Prever. Prevenir. Detectar e Responder

Essas são a exigência da remodelagem da gestão de riscos e da segurança organizacional nas corporações.

Grupo Sabin usa Inteligência Artificial para monitorar cibercrimes

“Acompanhamos a LGPD desde o início porque trabalhamos com informações muito sensíveis”, sinaliza o gerente nacional de tecnologia, Edgar Moreira.

Banco Central: Inovação exige equilíbrio nada trivial entre pessoas, segurança e risco

O sistema perfeito inexiste e falhas vão acontecer, mas é obrigatório mitigar os riscos, sustenta o, ex-CIO e agora chefe de segurança cibernética da Autoridade Monetária, Marcelo Yared.

Crédito imobiliário ainda é desafio para digitalização

“Precisamos chegar lá. Mas nem a Estônia, que é considerado o país mais digitalizado do mundo, conseguiu”, lamenta o gerente nacional de soluções tecnológicas para habitação da CEF, Darlan Lins.

Ministério da Economia seleciona 105 startups para aceleração

Programa Inovativa Brasil, criado em 2013, oferece mentoria e contatos com potenciais parceiros. Primeiro ciclo de 2019 em 22/4.

Votorantim Cimentos leva iniciativa de IoT do Brasil para o mundo

O CIO da companhia, Humberto Shida, diz que a experiência com IoT para controle das betoneiras de cimentos foi validada e trouxe um retorno efetivo. Agora, o modelo nacional será replicado nos Estados Unidos.



  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G